1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

EUA prendem suspeito de planejar ataque em Washington

Jovem de 20 anos, simpatizante do grupo extremista "Estado Islâmico", é acusado de arquitetar atentado contra a sede do Congresso. Investida foi frustrada graças a informante do FBI.

Um americano de 20 anos foi preso nesta quarta-feira (15/01) por supostamente planejar um ataque contra a sede do Congresso dos Estados Unidos, em Washington, inspirado pelo grupo extremista "Estado Islâmico" (EI), de acordo com o Departamento de Justiça e o FBI.

Christopher Cornell foi detido após ter comprado dois rifles semiautomáticos e 600 cartuchos de munição no estado de Ohio, de acordo com a denúncia. O Departamento de Justiça disse que ele foi acusado de "tentativa de matar funcionários dos Estados Unidos" e posse de arma de fogo com o objetivo de realizar atos violentos.

USA Christopher Cornell verhaftet wegen Anschlagsplan auf Kapitol

Cornell fez apologia ao Estado Islâmico pelo Twitter

De acordo com a queixa, Cornell abriu uma conta no Twitter com o pseudônimo Raheel Mahrus Ubaydah, na qual postou mensagens em apoio ao "Estado Islâmico".

De acordo com os investigadores, o jovem planejava "construir, implantar e detonar bombas no Capitólio dos EUA (sede do Congresso) e arredores, e depois usar armas de fogo para atirar e matar funcionários".

Cornell estava sob vigilância desde agosto do ano passado, quando começou a se comunicar com um informante do FBI através do Twitter. Depois de trocar mensagens pela internet, eles se encontraram em novembro passado, quando o jovem teria esboçado seus planos.

LPF/afp/rtr/ap

Leia mais