1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

EUA irão reforçar presença militar no Leste Europeu

Comando Militar americano anuncia para 2017 o envio de nova brigada de blindados para fazer frente às agressões russas na região. Medida visa assegurar a defesa dos parceiros e aliados da Otan.

Os Estados Unidos irão enviar reforço militar adicional ao Leste Europeu no início de 2017 para assegurar a defesa de seus aliados contra prováveis agressões da Rússia, informou nesta quarta-feira (30/03) o Comando Militar dos EUA na Europa.

Uma brigada – cerca de 4,5 mil soldados – irá conduzir missões rotativas na Estônia, Letônia, Lituânia, Polônia, Romênia, Bulgária e Hungria, somando-se a outras duas que já se encontram na região.

"O plano do exército é mais uma demonstração da força e do equilíbrio da nossa abordagem de assegurar a defesa de nossos parceiros e aliados da Otan, frente ao aumento das agressões russas no Leste Europeu e em outras regiões", afirmou o general Philip Breedlove, comandante da missão americana na Europa.

"Nossos aliados e parceiros verão uma presença mais frequente em seus países de uma brigada de blindados com equipamentos mais modernos", acrescentou.

A medida é parte da chamada Iniciativa Europeia de Resseguro, desenvolvida em resposta às crescentes preocupações por parte de países do Leste Europeu, após a anexação da Península da Crimeia pela Rússia em 2014.

O orçamento militar americano para o próximo ano prevê um aumento do financiamento da Iniciativa Europeia de Resseguro para 3,4 bilhões de dólares, quadriplicando os valores disponíveis anteriormente.

RC/afp/rtr

Leia mais