Estudo revela que chocolate pode ajudar a manter o coração mais saudável | Notícias sobre política, economia e sociedade da Alemanha | DW | 04.04.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Estudo revela que chocolate pode ajudar a manter o coração mais saudável

Publicado por pesquisadores alemães, em Potsdam, o estudo traz uma boa notícia aos amantes do cholocate: pequenas quantidades diárias do alimento ajudam a manter o coração mais saudável.

default

O chocolate amargo é o mais benéfico para saúde

O chocolate, que em muitas ocasiões assume o papel de vilão, ganhou uma posição de destaque a favor da saúde. Um estudo do Instituto Alemão de Pesquisa em Alimentação (Dife), publicado nesta semana na edição online do European Heart Journal, revelou que o alimento faz bem ao coração e reduz a pressão sanguínea.

Para chegar a essa conclusão, os cientistas observaram o hábito de vida e a saúde de mais de 19.300 adultos entre 35 e 65 anos, num período mínimo de 10 anos.

A maioria daqueles que comeu cerca de 7,5 gramas de chocolate por dia apresentaram uma pressão sanguínea menor. Além disso, as chances de infarto e riscos de derrame cerebral nesse grupo foram 39% menores em comparação com aqueles que comeram uma quantidade menor ou nenhum chocolate.

Chocolate com moderação

Segundo o estudo, mais pesquisas precisam ser feitas para esclarecer a relação entre o alimento e os benefícios para o coração – o motivo para os efeitos positivos do chocolate ainda não estão claros.

Schokolade

Cem gramas de chocolate possuem 500 calorias

Estudos prévios sugerem que o flavonóide poderia ser o responsável pelos benefícios. A substância é encontrada no cacau e, nas células, faz o transporte de gases que ajudam a relaxar as veias sanguíneas.

O chocolate amargo, que tem alta porcentagem de cacau, seria mais benéfico do que os chocolates branco ou ao leite.

No entanto, os chocólatras devem tomar cuidado: 100 gramas de chocolate possuem 500 calorias. "Pequenas quantidades de chocolate podem ajudar a evitar doenças", explicou Buijsse. "Mas, apenas quando se abdica de outras comidas com alta densidade energética, como petiscos, para manter o peso corporal estável", advertiu o pesquisador.

DD/afp/rts

Revisão: Nádia Pontes

Leia mais