1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Estudantes alemães oferecem consultoria intercultural

Connosco é o nome da empresa júnior mantida por estudantes da Universidade de Colônia, voltada para o mercado dos países de língua portuguesa. O Brasil, pelo seu potencial, é um dos principais alvos de atuação.

default

Os coordenadores Ingrid Elsinghorst e Christian Hauser divulgando a Connosco

A nova ponte entre o Brasil e Alemanha existe desde 2001, quando estudantes da curso de Estudos Latino-Americanos do Centro Mundo Lusófono (CML) ligado à Universidade de Colônia decidiram criar a empresa júnior Connosco.

"O principal objetivo da Connosco é oferecer consultorias para empresas e instituições que pretendam ampliar suas atividades no mercado brasileiro ou de língua portuguesa e também estabelecer a transferência de conhecimentos entre a universidade e firmas", definiu Christian Hauser, 28 anos, doutorando em Economia, um dos fundadores e coordenadores da empresa júnior alemã.

Apesar de o grupo de trabalho ser formado por estudantes alemães, o serviço prestado não fica aquém do oferecido no mercado. Graças ao supervisionamento de professores e especialistas, é possível oferecer uma consultoria com todo o embasamento necessário e profissionalismo.

Tal tipo de empreendimento é vantajoso tanto para os empresários quanto para os estudantes. Por um lado, os jovens colocam em prática o conhecimento acumulado nas salas de aula e vão se familiarizando com o mercado de trabalho. Por outro lado, a consultoria tem um preço bem mais em conta, especialmente porque os estudantes usufruem da estrutura da universidade, barateando os custos. Isso, é claro, que não deixa de ser atrativo.

Experiência brasileira

As empresas juniores são instituições sem fins lucrativos, gerenciadas por estudantes de graduação para a prestação de serviços no ramo de atividade de determinado curso. Bastante difundidas no Brasil, que hoje conta com mais de 600 empresas juniores espalhadas pelas universidades do país, o mesmo não acontece na Alemanha, que pouco conhece esse tipo de empreendimento.

Hauser revelou que, neste sentido, o Brasil está bem à frente e por isso a Connosco se preocupa em manter contato com outras empresas do gênero em solo brasileiro para a troca de experiências.

Mercado internacional

O grande diferencial da Connosco em relação às empresas juniores convencionais é seu enfoque voltado ao mercado internacional. Enquanto a maioria desenvolve trabalhos e projetos na área de administração de empresas em nível nacional, a Connosco visa à consultoria intercultural entre a Alemanha e os países de língua portuguesa. Um dos pré-requisitos para um estágio na empresa é justamente o domínio do idioma português.

A proposta da Connosco é oferecer consultoria para os empresários alemães que gostariam de ingressar no mercado brasileiro e vice-versa. Atualmente o grupo de 15 estudantes desenvolve um projeto de pesquisa no setor agrícola para uma empresa alemã interessada no Brasil.

Qualidade e divulgação

"Nossos serviços têm que ser de alta qualidade", afirmou Christian Hauser, acrescentando que, como em firmas profissionais de consultoria, a Connosco possui alguns critérios que visam a manter um alto padrão, como seleção de pessoal, esquema de trabalho e reuniões periódicas.

Os estudantes que participam da empresa júnior de Colônia já organizaram um site na internet, com informações em português e alemão, e participam de simpósios, palestras e outros eventos teuto-brasileiros.

No ano passado, receberam uma delegação da Associação dos Jovens Empresários do Ceará (AJE) em visita à Alemanha e expuseram suas idéias e propostas. Como a Connosco ainda é nova no mercado, a propaganda no momento é a alavanca para futuros negócios.

Links externos