1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Estudar na Alemanha

Escola Superior Técnica de Aachen é referência na área de Engenharia

Instituição oferece cursos em quase todas as áreas clássicas, com exceção de Direito. Os estudantes podem escolher entre 120 cursos, mas a metade deles opta por alguma área da Engenharia.

Há rumores de que em Aachen, no extremo oeste da Alemanha, estudam mais homens do que mulheres, mas isso não é verdade. Dos mais de 35 mil alunos matriculados na Escola Superior Técnica (RWTH na sigla em alemão) de Aachen, a porcentagem de homens e mulheres é quase a mesma.

Mas em alguns cursos esses rumores podem ser verdade. Por exemplo, nos cursos de Engenharia estudam muito mais homens do que mulheres. Mas, por sorte, a vida universitária não é restrita ao estudo. Há o restaurante universitário, bares e clubes, onde a proporção de representantes dos dois sexos praticamente se iguala.

Renome internacional nos cursos de Engenharia

A RWTH oferece cursos em quase todas as áreas clássicas, com exceção de Direito. Os estudantes podem escolher entre 120 cursos, mas a metade acaba ficando na Engenharia.

A universidade é referência nesta área e atrai estudantes do mundo inteiro. A maioria dos cinco mil alunos estrangeiros da instituição vem da Ásia.

De escola politécnica a universidade

Exzellenzinitiative 2012 RWTH Aachen

O Super C é o centro administrativo da universidade

A RWTH foi fundada em 1870 como Escola Politécnica Real da Renânia-Vestfália de Aachen. Somente após a Segunda Guerra Mundial foram criadas outras faculdades não técnicas.

Em 2007, a instituição afirmou-se como uma das nove melhores universidades da Alemanha na iniciativa de excelência. O título trouxe para a RWTH recursos financeiros de 180 milhões de euros, investidos diretamente em pesquisa.

Pesquisa voltada para a economia

Já em 2007, a instituição queria ampliar sua competência na área de Ciências Naturais e, dessa maneira, aumentar a cooperação entre cientistas e engenheiros. Esse é o objetivo, por exemplo, do cluster de excelência que pesquisa a utilização de biomassa na produção de combustíveis.

A universidade também trabalha em estreita cooperação com a indústria e sua pesquisa está focada nas necessidades do setor. Assim, pesquisadores de outro cluster de excelência investigam como a indústria de países onde os salários são altos pode competir em nível internacional.

O programa de pós-graduação intitulado Instituto para estudos avançados em Ciências da Computação de Aachen (na sigla em inglês, Aices) é voltado para a prática. No instituto, trabalham doutorandos das áreas de Matemática, Informática e Engenharia Mecânica do mundo inteiro para aperfeiçoar computadores.

Eles criam ferramentas de simulação, por exemplo, que podem ser usadas em tecnologias do trânsito e na construção de aviões. A próxima relação com a indústria traz recursos financeiros adicionais para a universidade. Raras outras universidades alemãs recebem tantos financiamentos de fora.

Exzellenzinitiative 2012 RWTH Aachen

O escritório internacional é o ponto de encontro de estudantes estrangeiros

Ainda melhor no futuro

A iniciativa de excelência continuará financiando o programa de pós-graduação e os dois clusters de excelência. O conceito futuro "RWTH 2020: enfrentando os desafios globais" faz parte do projeto inscrito pela universidade na iniciativa de 2012.

Assim como em outras universidades, a RWTH priorizou no seu conceito futuro o trabalho interdisciplinar e a integração. Isso é perceptível, por exemplo, no financiamento de projetos de pesquisa, especialmente, nas áreas social e global. Dessa forma, a universidade deseja intensificar as cooperações com empresas e instituições de pesquisa do exterior.

Estudantes deverão se beneficiar mais dos projetos interdisciplinares da universidade. No futuro, eles poderão trabalhar nesses projetos de pesquisa. Assim, ensino e pesquisa deverão se integrar mais.

Para a universidade, trabalho interdisciplinar significa fortalecer a inclusão de pesquisadores das áreas de Ciências Humanas, Sociais e Econômicas nas pesquisas realizadas por cientistas e engenheiros.

Os prédios da universidade e o "Super C"

Os prédios das diversas faculdades da RWTH estão espalhados por toda Aachen. Mas as questões referentes a organização podem ser resolvidas no chamado "Super C." No moderno prédio no centro da universidade – e também centro da cidade –, ficam as secretarias de assuntos estudantis, o escritório internacional, o departamento de assuntos acadêmicos e também uma filial do departamento de estrangeiros da cidade de Aachen.

No Super C são desenvolvidos programas com as universidades parceiras no exterior. O prédio é também ponto de partida para quem pretende visitar a instituição.

Amanhã: Universidade de Constança

Autoras: Gaby Reucher/Anna Grabowski (cn)
Revisão: Roselaine Wandscheer

Leia mais