1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Esclarecido roubo de obras de arte em Berlim

Dois homens presos em flagrante ao arrombarem uma óptica são suspeitos de serem também autores do roubo de nove quadros no Museu Brücke.

default

Este quadro foi cortado ao meio após o roubo e a metade continua desaparecida

A polícia precisou de pouco mais de cinco semanas para esclarecer o espetacular roubo de nove quadros do Museu Brücke, na capital alemã. A Justiça expediu nesta quarta-feira (29) mandado de prisão contra dois homens, de 45 e 28 anos respectivamente, acusados de terem roubado a 20 de abril obras de arte no valor de 3,6 milhões de euros.

Os dois ladrões foram presos em flagrante, há duas semanas, quando tentavam arrombar a loja de um oculista num bairro berlinense. Ao comparar resultados de exames de DNA com vestígios encontrados no museu, a polícia enquadrou os criminosos como autores do roubo dos quadros. Além disso, estava em seu poder uma ferramenta que tinha sido utilizada no arrombamento do museu. Os suspeitos, porém, ainda não confessaram.

Há dez dias, a polícia já tinha prendido três homens acusados de receptação das obras de arte, recuperadas então. Um dos quadros, Das junge Mädchen, de Max Pechstein, fora cortado ao meio por motivos ainda não esclarecidos e a metade continua desaparecida. Os demais estão intatos e serão devolvidos ao museu em breve.

Leia mais