1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Erfurt: Família do assassino escreve à população

Nesta quinta-feira, dois jornais alemães publicaram a carta aberta redigida pela família de Robert Steinhäuser, que matou 16 pessoas na última sexta-feira (26).

default

População participou de uma caminhada em memória das vítimas da chacina de Erfurt

O texto escrito pela família do autor da chacina em uma escola de Erfurt, capital da Turíngia, onde foram mortos nove professoras, quatro professores, um policial, uma estudante de 14 anos e um estudante de 15 anos, foi publicado nos jornais Thüringer Allgemeine e Thüringische Landeszeitung. Os familiares lamentaram o ocorrido e afirmaram desconhecer o lado obscuro do jovem Robert Steinhäuser, de 19 anos.

"A tristeza, o desespero e o desamparo na nossa família são indescritíveis. Lamentamos muitíssimo que o nosso filho e irmão tenha cometido um ato tão atroz, causando imensa dor às vítimas e seus familiares, aos habitantes de Erfurt e da Turíngia, enfim, a toda a Alemanha.

Desde o terrível ato cometido na última sexta-feira, a todo momento nos perguntamos de onde surgiu o ódio e o desespero de Robert e também como isto pôde acontecer sem que desconfiássemos de nada. Até o momento do brutal ato insano, éramos uma família absolutamente normal e conhecíamos Robert de uma maneira bem diferente.

Ainda não tivemos tempo para chorar a morte de nosso filho e irmão, pois nosso pensamento está voltado exclusivamente para as vítimas e seus familiares."

Violência na TV - O chanceler federal da Alemanha, Gerhard Schröder, tem encontro agendado na noite desta quinta-feira (02) com diretores de canais abertos e privados de televisão. O objetivo é fazer um balanço sobre o excesso de brutalidade e violência que vem sendo exibido na mídia e seu impacto sobre o público jovem, bem como discutir formas de limitar esse tipo de programação na TV alemã.

Leia mais