1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Empresariado alemão otimista em Hannover

Edição 2006 da Feira Industrial de Hannover é marcada pelo otimismo dos empresários alemães, pela presença da Índia e por três novos setores.

default

Feira de superlativos em Hannover

Depois de alguns anos de pessimismo, o empresariado alemão parece ter deixado o vale das lamentações. O clima de otimismo nesta Feira Industrial de Hannover é o melhor dos últimos anos. O empresariado está de olho no potencial de encomendas da Índia, país parceiro desta edição da feira.

Jürgen Thumann, presidente da Confederação da Indústria Alemã (BDI), confirma as expectativas: "Esperamos um crescimento da economia da ordem de 1,8%. Com um pouco de sorte, podemos chegar aos 2%".

Thumann considera "muito bom o clima entre o empresariado alemão". Segundo ele, todos os segmentos da economia estão recebendo mais encomendas, o que fortalece os prognósticos de crescimento. Estas perspectivas naturalmente agradam ao ministro alemão da Economia, Michael Gloss, que veio à feira diretamente de uma viagem ao emirado do Catar.

Empresários temem aumento do IVA

Temos razões para estarmos otimistas, disse Gloss. O volume de encomendas aumenta, as exportações crescem. Finalmente, instalações industriais voltaram a ser compradas também dentro do país. O governo se esforça para garantir a competitividade alemã no exterior", acrescentou o ministro social-cristão.

Isto é visto de outra maneira por muitas lideranças empresariais que temem que Berlim volte a frear a conjuntura, acima de tudo por causa do aumento para 19% do Imposto sobre o Valor Agregado (IVA), a vigorar a partir de janeiro do próximo ano. A medida é um risco à indústria da produção de máquinas, em crescimento há três anos. Já o economista e industrial Ralf Wiechers não é tão pessimista:

"Acredito que nos últimos anos o setor enfrentou problemas internos. Todos os impulsos que tivemos vieram do exterior, com o boom das exportações. No ano corrente, deveremos aumentar as vendas também dentro do país. Acho que esta feira de Hannover vai trazer incentivos importantes neste sentido", completou.

Os destaques da exposição

Hannover Messe - Eröffnungsrundgang Merkel

Chefe de governo Angela Merkel abriu a feira ao lado do premiê indiano, Manmohan Singh

A Feira Industrial de Hannover prossegue até o próximo 28 de abril. Ela é a maior plataforma internacional para a apresentação de tecnologias inovadoras, componentes industriais e soluções para os mais diversos processos da automação industrial.

Este ano, os principais destaques são as novidades nos setores de energia e automação. Na área dedicada à automação industrial, foi organizado o fórum Interkama+ e Factory Automation, sobre custos e benefícios da robótica na indústria, através de seminários com aulas práticas de manuseio de robôs.

Novos setores na feira

A feira tem três grandes novos setores em 2006, nas áreas de tecnologia pipeline e sistemas de tubulação e redes de canais; automação de produção e instalações industriais, e gerenciamento de serviços e facilidades para indústrias. Participam 5175 expositores de 66 países, entre os quais 341 da Índia.

Em 2005, 30% dos 205 mil visitantes vieram do exterior, destacando o evento como a mais importante mostra tecnológica da indústria, proporcionando novos contatos comerciais e abertura de mercados. Para 2006 são esperados ainda mais visitantes estrangeiros, principalmente de regiões economicamente em crescimento como o leste europeu, Ásia e Rússia.

Leia mais