1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Eleições em Bremen registram perdas para partidos da "grande coalizão"

Bremen foi às urnas com resultados favoráveis ao Partido Verde e perdas para as duas maiores facções que governam a cidade-estado: social-democratas e democrata-cristãos.

default

Jens Böhrnsen, atual prefeito e candidato, participa de protestos contra a Telekom em dia de eleição

A cidade-estado de Bremen é governada, desde 1995, pelo que na Alemanha se chama "grande coalizão", ou seja, uma coligação dos grandes partidos SPD (Partido Social Democrata) e CDU (União Democrata Cristã).

No pleito deste domingo (13/05), os eleitores deram um claro "chega para lá" nos dois partidos, que devem amargar perdas consideráveis, embora os social-democratas continuem sendo os mais votados e os democrata-cristãos se mantenham em segundo lugar.

O Partido Verde, que não participa hoje de nenhum outro governo estadual no país, surpreendeu com 16,5% dos votos. Também o Partido de Esquerda angariou bons resultados nas urnas, obtendo, pela primeira vez no Oeste do país, uma cadeira na assembléia legislativa.

Campanha insossa

A campanha eleitoral, considerada pela mídia relativamente "insossa", foi centrada principalmente nos planos para a política econômica, uma vez que Bremen, o menor estado da federação, registra um déficit em torno de 14 bilhões de euros e luta por maiores subsídios do governo federal.

Em apenas uma eleição, os moradores da cidade-estado elegem 68 parlamentares que formam ao mesmo tempo tanto a câmara municipal quanto a assembléia legislativa. (sv)

Leia mais