ELEIÇÃO NOS ESTADOS UNIDOS | Escreva sua opinião, comentários, críticas ou sugestões | DW | 30.10.2004
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Sua Opinião

ELEIÇÃO NOS ESTADOS UNIDOS

Nossos leitores opinaram esta semana sobre os seguintes temas: a eleição nos Estados Unidos, terrorismo, biblioteca Anna Amalia, Catedral de Colônia, drogas, Marlene Dietrich e União Européia.

default

John F. Kerry e George W. Bush

BUSH OU KERRY
Para mim, e creio para o resto do mundo também, não fará a menor diferença qual dos dois candidatos ocupará a presidência dos EUA. Ambos têm a mesma formação em termos de elite econômica, vivenciaram as mesmas organizações, são apoiados por poderosos lobbies (não seriam as mesmas patotas, com interesses semelhantes ou até iguais?). Penso que o atual empate técnico nas pesquisas já é um fato bem revelador. Não creio que acontecerão mudanças efetivas na política externa americana. As intervenções de todo tipo e o unilateralismo deverão continuar. Infelizmente, para a dita democracia (cada vez mais difícil de ser verificada).
Roberto HG Eppinghaus

Meu voto seria para Kerry. Votaria nele porque o Bush é um incompetente e não faz nada pelo seu país. Ele só quer se envolver em guerras e se intrometer em conflitos de outros paises. Por isso tudo e mais um pouco que não escrevi, votaria no Kerry.
Luis Felipe

CENTRO ANTITERROR
Considero fora de propósito a instalação de um centro antiterror na Alemanha. Instalar um centro dessa natureza na Alemanha só atrairia mais a atenção das organizações terroristas, que julgariam então que a Alemanha se posiciona ao lado dos EUA, vindo a tornar-se novo alvo de ataques dessa natureza.
Melhor seria manter uma postura de respeito às especificidades culturais e à autodeterminação dos povos.
Edison Luiz Otto

RESTAURAÇÃO DA BIBLIOTECA ANNA AMALIA
Acho muito importante preservar o passado da humanidade. Muito bonito!! Mas por que gastar tanto dinheiro assim? Todo esse dinheiro não poderia ser usado para matar a fome da "humanidade", a qual vocês tanto defendem?! No futuro, nem sei se ainda vai-se ouvir falar desta tal "biblioteca". Peço desculpas a quem ler e não gostar, mas vivo num país pobre, em todos os sentidos, onde a barriga cheia ainda é o mais importante....
Glaubia Regina Pinheiro

CATEDRAL DE COLÔNIA
Conheço a Catedral de Colônia, de fato é um marco do estilo gótico. Cada vez que a visito vejo algo a mais em seu interior. Não acredito que a especulação imobiliária vença, pois a catedral já resistiu a tantos bombardeamentos! Sem ela, a cidade de Colônia perderia sua identidade. Nada como você avistá-la das margens do Rio Reno ao cair da tarde...
A. Luiz Brenneisen Carlberg

MARLENE DIETRICH
Marlene Dietrich expressa a própria Alemanha: bela, independente, grandiosa. Desde o Anjo Azul que Dietrich esbanjava talento. Depois de se aposentar do cinema, continuou sua carreira de sucesso, com aquela voz tão diferente e músicas muito bonitas. Enfim, a figura de Marlene Dietrich merece continuar sendo respeitada e admirada.
Danilo Thiesen von Schreiber

CONFLITOS NA UNIÃO EUROPÉIA
O mundo sempre foi palco de conflitos, especialmente armados e ideológicos. Hoje, esses conflitos são especialmente éticos, morais. Os escândalos se sucedem, a ética social e política está sendo gradativamente, mas fortemente, esmagada pelo "poder" que se aglutina no mundo. O mundo globalizado e aglutinado em esferas de poder, como a União Européia, está unido por uma teia econômica, política e até social, e essa teia de poder sorrateiramente invade as instituições e a União Européia não é uma ilha. Urge, como nunca, perceber que o grande problema no mundo atual é a Ética, que vem sendo minada em todas as esferas da vida e isso em escala planetária. É necessário que a União Européia, como também outras instituições internacionais, dêem mais atenção a questões relacionadas à Ética, que considero de suma importância.
Eduardo Almeida

COMBATE ÀS DROGAS
A luta contra as drogas, da maneira como está sendo conduzida, está errada e só leva ao aumento do consumo e à força dos traficantes. Como nos ensina a lei seca nos EUA, que só serviu para criar Al Capones e gângsteres milionários e perigosos.
É um direito dos cidadãos usar ou não drogas. Se uma pessoa quiser se matar usando drogas, é um direito seu. Lutar contra isso é loucura e ignorância, só serve para aumentar o custo das drogas e o poder do tráfico.
Cassiano Bessa (São Paulo)