1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

EI explode caminhão-bomba ao sul de Bagdá

Grupo terrorista "Estado Islâmico" reinvidica ataque suicida próximo a um posto de controle da polícia iraquiana que deixou ao menos 60 mortos. Organização extremista ainda domina grande parte do norte e oeste do Iraque.

O grupo extremista "Estado Islâmico" (EI) reivindicou a autoria de um ataque suicida com um caminhão carregado de explosivos realizado neste domingo (06/03) num posto de controle da polícia iraquiana na entrada da cidade de Hilla, a aproximadamente 80 quilômetros ao sul de Bagdá. Ao menos 60 pessoas foram mortas e no mínimo outras 70 sofreram ferimentos.

A responsabilidade foi reivindicada em uma postagem no site da agência de notícias Amaq, que apoia a organização terrorista. "Uma operação de mártir com um caminhão-bomba atingiu o posto de controle das ruínas da Babilônia na entrada da cidade de Hilla, matando e ferindo dezenas", disse o comunicado na página da Amaq.

Hilla é a capital da província Babilônia, região predominantemente xiita, com alguma presença sunita. "É a maior explosão na província até o momento", disse o chefe do comitê de segurança da província, Falah al-Radhi, à agência de notícias Reuters. "O posto de controle e a delegacia de polícia próxima foram destruídos, assim como algumas casas e dezenas de carros."

Nos últimos meses, o EI cometeu repetidamente ataques similares no Iraque. Somente em fevereiro, mais de 100 pessoas morreram. A organização jihadista ainda domina grande parte do norte e do oeste do país.

PV/lusa/ap/rtr/dpa

Leia mais