1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Camarote.21

Edição do dia 19/12

Ficou curioso sobre as reportagens desta edição do Camarote.21? Aqui você encontra mais informações sobre os artistas, eventos e exposições que mencionamos. Se ficou com alguma dúvida, escreva para nós.

#link:http://dw.de/p/1E6mA:Especial de Natal no Castelo do Dragão#

Para entrar no clima natalino, a apresentação do Camarote.21 acontece no #link:http://www.schloss-drachenburg.de/:Drachenburg# - Castelo do Dragão, em Königswinter. O Castelo foi construído no século 19, a pedido de um nobre emergente das redondezas, o barão Stephan von Sarter.

O castelo foi batizado com o nome da montanha onde foi erguido. Há centenas de anos, acreditava-se que um dragão morava nessa colina e, por isso, ela era chamada de Drachenfels, Rocha do Dragão.

Apesar do luxo investido no palácio, ele era usado apenas como casa de caça e nunca foi residência do barão. Atualmente, o local é ponto turístico obrigatório na cadeia montanhosa de Siebengebirge, as "Sete Montanhas". Na época natalina, o castelo oferece uma atração especial: o mercado de Natal.

#link:http://dw.de/p/1E6mF:Os mitos do Natal#

No Natal, o que não faltam são enfeites, presentes e Papai Noel por todos os lados. Mas de onde vieram essas tradições? A escritora alemã Claudia Weingartner pesquisou e encontrou respostas surpreendentes. Em seu livro Alles Mythos!, em português "Tudo Mitos", a autora desvenda a verdade sobre as 24 principais crenças natalinas na Europa.

Essa reportagem do Camarote.21 explica, entre outras coisas, a origem do bom velhinho, por que os presentes são entregues no dia 24 e se o Natal é realmente a festa do amor.

Deutsche Welle DW Camarote.21

Pratos típicos de Natal na Europa

#link:http://dw.de/p/1E6mK:Em cada país uma ceia diferente#

Natal é época de muita comida e cada país tem costumes próprios. O Camarote.21 mostra os pratos que fazem parte da ceia na Suécia, Espanha e Alemanha.

Próximo ao Círculo Polar Ártico, no norte da Suécia, o banquete natalino é chamado de Julbord. Ele inclui especialidades como o Glögg, um tipo de vinho quente, e o biscoitinho Pepparkakor. A maioria dos pratos são servidos frios, como o peixe da região: o arenque.

Na Espanha, a região de #link:http://www.riberadelduero.es/:Ribeira do Douro# é famosa pela produção de vinhos e criação de ovelhas. Ali fica a cidade de Aranda do Douro, considerada a capital do cordeiro assado. Essa carne, acompanhada pelo vinho tinto, é saboreada há centenas de ano na noite de Natal. Na Alemanha, o ganso faz parte do banquete. Servido com repolho roxo e knödel, ele é um prato típico de inverno.

Deutsche Welle DW Camarote.21

Iluminação típica de Natal em Erzgebirge

#link:http://dw.de/p/1E6mR:A origem das luzes de Natal#

O costume de enfeitar casas e ruas com luzes durante a época do Natal já existe em diversos países. Mas essa tradição surgiu naantiga região mineradora #link:http://www.erzgebirge.de/:Erzgebirge#, no leste da Alemanha.

Quando os mineiros queriam ir para casa após o trabalho, no meio da tempestade de neve, os moradores da cidade colocavam velas por trás das janelas para indicar o caminho. A partir desta tradição surgiu a típica iluminação dos arcos.

Uma das mais famosas cidades da região é #link:http://www.seiffen.de/:Seiffen#, perto da fronteira com a República Tcheca, onde são fabricados brinquedos e decorações de Natal. Nas semanas do Advento, cerca de 30 mil pessoas visitam a pequena cidade que encanta os turistas com suas figuras de madeira, uma tradição centenária. O auge das tradições natalinas no Erzgebirge são os desfiles, como o Lichtelfest em Schneeberg.

Deutsche Welle DW Camarote.21

Christmas Light Parade ilumina as ruas de Colônia

#link:http://dw.de/p/1E6mX:Brasileiro ilumina as ruas da Alemanha#

Em Colônia, um desfile de Natal diferente traz luz às ruas: criaturas mágicas, fadas e soldados cheios de lâmpadas impressionam o público. Esse foi o segundo ano da Christmas Light Parade. O evento aconteceu no dia 14 de dezembro e atraiu cerca de 18 mil espectadores.

O espetáculo é realizado pelo grupo #link:https://de-de.facebook.com/pages/Vagalume-Light-Performances/572348969486761:Vagalume Light Performance#, fundado pelo brasileiro Fernando Vieira. Essa mistura de malabarismo, dança e fantasias iluminadas já percorreu diversos países como Portugal, Islândia, Escócia e também o Brasil, durante a Virada Cultural de São Paulo.

Links externos