1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Economia alemã desacelera no primeiro trimestre

PIB cresce apenas 0,3% no início de 2015, abaixo do esperado. Exportações são abaladas por conjuntura global instável e enfraquecimento do comércio com países emergentes, como Brasil e Rússia.

O Produto Interno Bruto (PIB) da Alemanha cresceu apenas 0,3% no primeiro trimestre deste ano em relação ao período anterior, divulgou o Departamento Federal de Estatísticas (Destatis) nesta quarta-feira (13/05). Nos últimos três meses de 2014, a economia alemã registrara uma expansão de 0,7%.

Economistas esperavam para o início deste ano um crescimento de, em média, 0,5%, com previsões variando entre 0,4% e 0,9%. O governo federal projeta um crescimento de 1,8% tanto para 2015 quanto para 2016. No ano passado, o índice foi de 1,6%.

A economia alemã, que depende das exportações, foi abalada no primeiro trimestre pela conjuntura global instável. O Destatis apontou que o crescimento das exportações foi menor que o das importações, prejudicado sobretudo por um enfraquecimento do comércio com países emergentes, como o Brasil e a Rússia.

O consumo continuou sendo o principal responsável pela expansão econômica, impulsionado pela baixa taxa de desemprego, aumento de salários e baixa inflação. Gastos públicos e investimentos também aumentaram, particularmente no setor da construção civil, estimulado por juros baixos.

RC/rtr/dpa

Leia mais