1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Dupla alemã sonha com medalha no mundial

Markus Dieckmann e Jonas Reckermann, atuais vice-campeões europeus de vôlei de praia, formam a dupla alemã com maior chance no mundial do Rio de Janeiro.

default

Markus Dieckmann em ação

Nutrindo grandes ambições, a Alemanha será representada com quatro duplas no 4º Mundial de Vôlei de Praia masculino, disputado nas areias de Copacabana. “Uma medalha é possível”, segundo a Federação Alemã de Vôlei (DVV). Todas as duplas alemãs estão em boas condições físicas.

As esperanças se concentram, sobretudo, em Markus Dieckmann e Jonas Reckermann. Eles se destacaram nesta temporada conquistando os vice-campeonatos alemão e europeu, além de vencer dois torneios da série mundial. Atualmente, ocupam a quarta posição no ranking mundial de vôlei de praia.

Markus Dieckmann e Jonas Reckerman já garantiram a classificação para a Olimpíada de Atenas. Eles estão no Rio desde 6 de outubro para se acostumarem com o clima.

As três outras duplas alemãs têm expectativas mais modestas. Christoph Dieckmann e Andreas Scheuerpflug são os que têm melhores chances de lograr a classificação olímpica; Jörg Ahmann e Axel Hager, medalha de bronze em Sydney, só agora recuperaram a forma depois de um longo período de contusões; o quarto time é formado por David Klemperer e Niklas Rademacher.

48 duplas e 400.000 dólares

Reunindo 48 times na sua fase inicial e distribuindo 400 mil dólares em prêmios, o Mundial de Vôlei de Praia do Rio de Janeiro é o torneio de maior prestígio do circuito internacional. Sua pontuação é computada com peso três vezes maior do que os demais torneios.

O Brasil está representado por nada menos que oito duplas, inclusive os dois top times: Ricardo/Emanuel e Benjamin/Marco Araújo. Essas duas duplas, na opinião de Jonas Reckermann, estão acima de todas as demais. “Os outros times jogam bem, mas não são excepcionais”, diz ele. Para os alemães, o Mundial de Vôlei de Praia está envolvido numa aura de fascínio. Não só por causa das areias de Copacabana, praia que soa ainda como símbolo de exotismo tropical, mas pela qualidade do vôlei de praia brasileiro e a empolgação da torcida, que consegue transformar este evento esportivo numa grande festa de confraternização.

Leia mais