1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Dois curtas brasileiros competem no Festival de Dresden

"Palíndromo", de Philippe Barcinski, e "Reminiscência", de Eduardo Nunes, participam da competição internacional.

O Festival de Curtas-Metragens e Filmes Animados de Dresden mostra, em sua 14ª edição, mais de 1400 produções internacionais. Participam da competição os curtas brasileiros Palíndromo, de Philippe Barcinsky (11 minutos, 2001), na categoria de filmes experimentais, e Reminiscência, de Eduardo Nunes (12 minutos, 2001), na categoria de ficção.

Já em 1999, Amassa que elas gostam, de Fernando Coster (15 minutos, 1998), ganhou o primeiro prêmio na categoria de animação e o prêmio do público em Dresden.

Na programação paralela deste ano, o enfoque recai sobretudo sobre produções australianas, canadenses, escandinavas e coreanas. Em mostras especiais, serão apresentados curtas portugueses e tchecos.

O trabalho dos estúdios da DEFA em Dresden, onde se produziram entre 1955 e 1992 1500 filmes animados, é objeto de uma exposição permanente que será inaugurada, no âmbito do festival, na sexta-feira (19). (lk)

Links externos