1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Cultivo de papoula cresceu seis vezes no Afeganistão

As áreas cultivadas da planta que serve para produzir ópio e heroína, cresceram seis vezes desde o início do ano, segundo um relatório da ONU.

default

Heroína apreendida na Suíça

No ano passado, o cultivo da planta ocupava área de 7.600 hectares. No início deste ano, as áreas cultivadas estendem-se entre 45.000 e 65.000 hectares, segundo a Agência das Nações Unidas para o Controle da Droga e Prevenção do Crime (ODCCP).

"Voltamos ao nível da década de 90, no início do regime talibã", comentou o diretor da ODCCP, Steinar Bjornsson. A ONU, segundo ele, tem o dever de apoiar e aconselhar o governo interino do Afeganistão nos seus esforços para eliminar o cultivo de papoula.

O governo do primeiro-ministro interino, Hamid Karzai, que assumiu o poder após a queda do talibã, proibiu a produção e o comércio da papoula. Mas, segundo a ODCCP, novas áreas foram semeadas depois dos atentados de 11 de setembro e antes da intervenção americana no Afeganistão.

Na segunda-feira (25), os Estados Unidos suspenderam suas sanções impostas por causa do tráfico e produção de droga no Afeganistão, sem aguardar entretanto resultados concretos. O assessor do Departamento de Estado encarregado da luta contra o narcotráfico, Rand Beers, explicou que os Estados Unidos têm interesse vital em apoiar inteiramente o governo interino afegão na reconstrução do país.

Links externos