1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Crianças expõem fantasia em mostra de Berlim

Com criatividade e talento, crianças de países pobres criam brinquedos com objetos encontrados em lixos, como garrafas de plástico e trapos. Estes brinquedos estão sendo expostos no Museu Etnológico de Berlim.

default

Flor de plástico abre e fecha as pétalas

Restos de tecido, garrafas de plástico, tampas, papéis, madeira, arames e latas possuem nova função nas mãos de crianças: a criação de brinquedos produzidos com o apoio de cola e tinta.

A criatividade destas crianças de 30 países da América Latina, Ásia e África pode ser vista no Museu Etnológico de Berlim até 30 de agosto de 2004.

Com o nome Weltspielzeug (Brinquedos do Mundo), a exposição de cerca de 100 brinquedos tem o objetivo de apresentar os mais diversos objetos desenvolvidos e montados por crianças carentes como elemento para um desenvolvimento pedagógico duradouro.

Não importa se a criança mora na Ásia, América Latina ou numa metrópole européia. Todas as crianças gostam de brincar. Com que elas brincam e o que elas exatamente fazem, varia de acordo com onde e como elas vivem.

Com pouco ou nenhum dinheiro, papel reciclado e objetos encontrados em lixos, estas crianças criam bonecas de papel, rádios de papelão, caminhões feitos a partir de latas e tampinhas de garrafa e outros, conforme a imaginação e o desejo mandarem.

De acordo com o responsável pelo serviço de atendimento ao visitante dos Museus Estatais de Berlim, Christoffer Richartz, a idéia da exposição no museu é fazer as pessoas reviverem tradições e estimular as crianças a resgatarem o passatempo da montagem e criação de brinquedos.

Brinquedos do Brasil: criatividade e sensibilidade

Com a utilização de tampinhas e plástico de garrafa, um pouco de tinta e muita imaginação, uma criança brasileira criou uma flor, na qual as pétalas se fecham quando seu cabo é puxado.

O pequeno palhaço colorido e simpático feito de trapos, plástico e tampas é outro exemplo da criatividade e alegria da criança brasileira.

Frosch Die kleinen Kunstwerke zeigt das Kinderhilfswerk Plan in der Ausstellung WeltSpielZeug (Ethnologisches Museum/Berlin 02.04.2004 - 29.08.2004)

Caranguejo feito de fundo de garrafa de plástico

Em associação com o mar, as praias e o calor do litoral brasileiro, crianças desenvolveram um caranguejo com fundo de garrafa e olhos de tampinhas. Além de um móbile de peixes construído com pedaços de plástico pintados.

Preferência é por boneca e carrinho

Segundo Antje Arold-Hahn, membro da direção da Plan International na Alemanha, instituição que ajuda crianças e familiares de países em desenvolvimento, é fantástico notar como crianças são capazes de montar brinquedos praticamente com o lixo.

"O surpreendente é constatar que crianças de países distintos brincam de formas parecidas. Todas as crianças gostam de brincar com bonecas, entretanto, como muitas não podem comprá-las, acabam tendo que produzi-las sozinhas", observa.

Blechauto Die kleinen Kunstwerke zeigt das Kinderhilfswerk Plan in der Ausstellung WeltSpielZeug (Ethnologisches Museum/Berlin 02.04.2004 - 29.08.2004)

Caminhão feito por criança africana

Elas gostam também de veículos automotivos. "Eu já vi crianças construírem um carrinho com garrafa e tampa de refrigerante. Conheço outras que juntaram pedrinhas e as pintaram, montando figuras coloridas e criativas, somente com um pouco de cola e tinta", ilustra.

Outro aspecto interessante do desenvolvimento da boneca pela própria criança é o conhecimento do objeto como um todo. "Ela sabe exatamente como o brinquedo é por dentro, possibilitando uma relação mais próxima. Já quando compramos uma boneca numa loja, não sabemos nem ao menos com que material ela é feita", argumenta Hahn.

As crianças da África sabem muito bem como uma boneca e um caminhão funcionam e são por dentro. Elas criaram bonecos com restos de tecido e arame, além de carrinhos e caminhões de papel, arame, trapos e rolhas.

Além da mostra, os visitantes podem participar de um programa de workshops, brincadeiras e culinária dos 30 países, para que os conheçam em vários aspectos.

Alemanha tem 180 mil padrinhos solidários

Através da filosofia do apadrinhamento, a instituição Plan International ajuda – desde 1937 - crianças de 45 países da América Latina, África, Ásia e da Albânia.

Cerca de 1,3 milhão de crianças de 16 países possuem um padrinho, que presenteia cada criança e sua família com 25 euros mensais. Na Alemanha, a Plan foi inaugurada em 1989 e já conta com 180 mil padrinhos, sendo mil de classes de escolas.

O objetivo principal da instituição é melhorar a situação de vida destas crianças a longo prazo através da construção de escolas e jardins da infância, compra de materiais didáticos e formação de professores.

Outro plano da entidade é investir na área de saúde, através da fundação de centros, qualificação profissional de médicos e enfermeiros e criação de um espaço para informação e esclarecimento de dúvidas de mães e crianças sobre prevenção e cura de doenças.

Leia mais

Links externos