1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Crânio de cineasta alemão é roubado

Não é a primeira vez que o túmulo da família de Friedrich Wilhelm Murnau é violado. Diretor foi um dos grandes nomes do cinema mudo e ficou conhecido por "Nosferatu", que popularizou gênero dos filmes de vampiro.

A cena poderia ter sido tirada de um de seus filmes de suspense, mas é real: o crânio do cineasta alemão Friedrich Wilhelm Murnau foi roubado, disseram autoridades nesta quarta-feira (15/07).

O túmulo da família do diretor de Nosferatu (1922) fica em Stahnsdorf, a sudoeste de Berlim, e a administração do cemitério acredita que ele tenha sido violado entre os dias 4 e 12 de julho.

Os desconhecidos que profanaram os restos mortais do diretor não tocaram nos caixões de seus irmãos, dispostos ao lado do dele. Resíduos de cera de vela foram encontrados próximos ao local. Não é a primeira vez que o túmulo é violado, e uma investigação por roubo e perturbação da paz dos mortos foi aberta pela polícia.

Murnau foi um dos mais importantes nomes do cinema mudo e ficou conhecido por ter tornado o gênero dos filmes de vampiro popular, com Nosferatu. O cineasta, que também dirigiu Aurora (1927), foi três vezes premiado na primeira edição do Oscar, em 1929. Ele morreu em 1931, num acidente de carro na Califórnia.

GS/ap/dpa

Leia mais