1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Corpos são resgatados na Argentina

Cinco dos dez mortos em colisão entre dois helicópteros em região montanhosa são retirados do local da queda. Investigadores franceses vão apurar causas do acidente.

Os corpos de cinco das dez vítimas da tragédia envolvendo dois helicópteros numa região montanhosa na Argentina foram resgatados nesta terça-feira (10/03) e levados para um necrotério na capital da província de La Rioja, a 300 quilômetros do local do acidente, segundo as autoridades locais. O porta-voz do governo local, Horacio Alarcón, confirmou não haver sobreviventes.

Assistir ao vídeo 00:25

Vídeo amador da colisão

Dos dez mortos, oito eram franceses e apenas dois, os pilotos, eram argentinos. Entre as vítimas estão três estrelas do esporte francês: a velejadora Florence Arthaud, o boxeador Alexis Vastine e a nadadora Camille Muffat, medalhista de ouro nos Jogos Olímpicos de Londres.

Um inquérito por homicídio culposo foi aberto em Paris para esclarecer as causas do acidente. Dois investigadores técnicos do Bureau de Investigação e Análise (BEA) já se dirigiram ao local da queda das aeronaves para iniciar os trabalhos.

A televisão francesa mostrou imagens de dois helicópteros voando muito próximos – em seguida seus rotores acabam se chocando e ambas as aeronaves caem. A mídia argentina mostrou imagens dos destroços dos helicópteros em chamas numa área de vegetação seca.

Os dois helicópteros colidiram numa região montanhosa no noroeste argentino durante a gravação da segunda temporada de Dropped, um reality show da emissora de TV francesa TF1 que consiste em deixar um grupo de atletas famosos num lugar inóspito e desabitado com apenas uma reserva de água.

Bildkombo v.l.n.r. Florence Arthaud, Alexis Vastine, Camille Muffat

Entre os mortos, as estrelas do esporte francês Florence Arthaud, Alexis Vastine e Camille Muffat

França chora vítimas

O primeiro-ministro Manuel Valls afirmou que recebeu a notícia "com dor imensa" e que "toda a França está de luto". O presidente François Hollande manifestou em comunicado sua "imensa tristeza" e "comoção" com o acidente. Os outros cinco mortos franceses eram funcionários da emissora TF1.

"A morte repentina de nossos compatriotas é uma imensa tristeza", declarou Hollande, que enviou seus pêsames às famílias e aos amigos das vítimas.

Florence Arthaud, de 57 anos, conseguiu espaço num esporte dominado por homens e era considerada uma das melhores velejadoras do mundo. Entre suas conquistas está a edição de 1990 da Route du Rhum, uma competição transatlântica realizada de quatro em quatro anos.

Camille Muffat, de 25 anos, foi uma das maiores nadadoras da história da França. Ela conquistou três medalhas nos Jogos de Londres em 2012, incluindo uma de ouro nos 400 metros nado livre. A nadadora surpreendeu o mundo quando, em junho de 2014, com apenas 24 anos, anunciou sua aposentadoria, alegando estar cansada de passar tantas horas treinando.

Alexis Vastine, de 28 anos, também é medalhista olímpico. Ele conquistou o bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008, na categoria superleve.

MSB/efe/afp

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados