1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Coreia do Norte se engana e ameaça Berlinale por comédia não programada

Festival de Cinema de Berlim não escapará de uma punição impiedosa se exibir "A entrevista", afirma governo norte-coreano. Só que o filme nunca esteve na programação.

default

Filme conta a história de um complô para matar o ditador Kim Jong-un, interpretado pelo ator Randall Park

Depois de ameaçar o Festival de Cinema de Berlim com uma "punição impiedosa" por causa da exibição da polêmica sátira A entrevista, o governo da Coreia do Norte voltou atrás na sua ameaça nesta sexta-feira (23/01). O motivo: a exibição do filme nunca esteve programada.

Por causa da ameaça, o diretor do festival, Dieter Kosslich, falou com o embaixador da Coreia do Norte em Berlim, Si Hong Ri, para esclarecer o equívoco. O filme A entrevista não consta da programação do festival, afirmou. "Isso nunca esteve planejado. A Sony nem mesmo nos ofereceu o filme", comentou.

A entrevista estreia nos cinemas alemães em 5 de fevereiro, mesmo dia do início da Berlinale. Kosslich supõe que essa coincidência de datas seja a origem do mal-entendido.

O Ministério do Exterior da Coreia do Norte havia afirmado que Estados Unidos e Alemanha "devem parar imediatamente com a farsa de exibir o filme anti-RDPC no festival". RDPC é a sigla para República Democrática da Coreia do Norte, nome oficial do país.

"Aqueles que executam atos terroristas e cometem provocações politicamente motivadas e aqueles que se unem a eles na violação da soberania e da dignidade da Coreia do Norte jamais serão capazes de escapar punição impiedosa", afirmou o governo em Pyongyang.

O Ministério do Exterior da Coreia do Norte acusara os Estados Unidos de exibir o filme num de seus "Estados vassalos" sob o disfarce de participar de um festival internacional de cinema.

O filme conta a história de dois jornalistas atrapalhados, envolvidos num complô da CIA para matar o ditador norte-coreano, Kim Jong-un, interpretado pelo ator Randall Park.

CN/dpa

Leia mais