1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Copa terá grama holandesa em sete estádios

Estádios de Berlim, Colônia, Gelsenkirchen, Dortmund, Hamburgo, Leipzig e Hannover receberão grama importada para a Copa.

default

Poa pratensis, um tipo de grama cultivado na Holanda, não terá problemas para atravessar a fronteira alemã durante a Copa do Mundo. Virá do país vizinho o piso de sete dos 12 estádios que receberão jogos no Mundial – os outros cinco serão gramados por uma empresa nacional.

Os estádios de Berlim, Colônia, Gelsenkirchen, Dortmund, Hamburgo, Leipzig e Hannover receberão grama importada. O piso em Munique, Nurembergue, Frankfurt, Kaiserslautern e Stuttgart será alemão.

Os funcionários da fazenda holandesa que cultiva a grama já deram início aos preparativos do transporte do produto. A grama será pisada pelos melhores jogadores de futebol do mundo a partir de 9 de junho.

O responsável Hendriks Graszoden, entretanto, manteve o seu produto secretamente guardado a partir do momento em que a mídia alemã causou furor ao tomar conhecimento de que os estádios do país receberiam grama de um rival.

"Foi um grande choque na Alemanha, com os jornais de lá dizendo que a seleção alemã perderia os jogos se tivesse que atuar em um gramado alemão", afirmou John Hendriks, um dos quatro irmãos que gerenciam o negócio.

Para manter a grama em boas condições, eles irão transportá-la durante a noite e em caminhões refrigerados e desenrolá-la logo que possível. O valor pago pelos estádios está sendo mantido em sigilo pela Fifa.

Links relacionados:

Leia mais