1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Convenção social-democrata reelege Schröder com grande maioria

Com 88,6% dos votos, os 523 delegados reunidos em Nurembergue confirmaram o chanceler Gerhard Schröder na presidência do Partido Social-Democrático.

O SPD – Partido Social Democrático da Alemanha – reelegeu o seu diretório nacional num ambiente de controvérsia interna, em que a ala esquerda se coloca cada vez mais contra a política oficial do governo alemão, de engajamento militar na aliança internacional antiterrorismo e envio de tropas alemãs para apoiar as ações dos Estados Unidos no Afeganistão. Apesar disto, Gerhard Schröder obteve 88,6% dos votos, superando o resultado obtido há dois anos (86,3%).

Iniciada nesta segunda-feira em Nurembergue, a convenção nacional do SPD durará quatro dias, reunindo 523 delegados dos diretórios regionais. Eles debaterão e votarão um total de 385 requerimentos concernentes à política e à organização partidária. O convidado de honra da convenção do SPD será o primeiro-ministro britânico, Tony Blair.

O primeiro dia do congresso partidário foi marcado pela reeleição da diretoria. Os cinco vice-presidentes foram confirmados no cargo, sendo o presidente do Parlamento alemão, Wolfgang Thierse, o mais votado, com mais de 90% dos votos. O pior resultado foi obtido pelo ministro alemão da Defesa, Rudolf Scharping, com 58,7% dos votos. Scharping envolveu-se num escândalo de mordomia e foi acusado de falta de decoro, em meados do ano, devido à publicação por uma revista alemã das suas fotos de férias, nos braços da amante.

Leia mais

Links externos