CONFLITO NA BOLÍVIA | Escreva sua opinião, comentários, críticas ou sugestões | DW | 20.09.2008
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Sua Opinião

CONFLITO NA BOLÍVIA

O conflito na Bolívia e o acelerador de partículas LHC foram os temas mais comentados por nossos leitores esta semana. Mas recebemos ainda opiniões sobre Orhan Pamuk , Obama, corrupção empresarial e Christiane F.

default

Evo Morales e Alvaro Garcia Linera

A meu ver, seria necessária a cooperação de países europeus sérios. Sérios no sentido de ter capacidade e disposição de ajudar para se conseguir um acordo adequado de conciliação nacional, preservando ao máximo os interesses das diferentes províncias da Bolívia, e orientado a fortalecer as instituições nacionais conforme os objetivos de paz, justiça e democracia autêntica. A participação de governantes sul-americanos é recomendável, sim, mas com a condição de que sejam excluídos, por razões óbvias, os da Venezuela e do Equador. A América Latina tem que ter uma visão de futuro, aproveitar as tristes experiências que terminaram no Muro de Berlim. Para não voltar por aqueles caminhos, tem que ser caminhos sem volta, se queremos assegurar um futuro melhor para nossos filhos. Deus nos ajude nestes propósitos.
Alfonso Camacho Pardo (Colômbia)

Por que não chamam o Rei da Espanha para mediar o conflito? Afinal, ele é europeu, é rei, é da Espanha e já mediou tantos conflitos por ali mesmo, não é? [...]
Acho indispensável esvaziar esse golpe, já, sem pôr fogo no palheiro. Todo mundo já sabe que a situação é gravíssima na Bolívia. Ninguém precisa denunciar mais nada. A Unasul está passando por uma prova de fogo – e tem de passar por ela. É disso que se trata, eu acho, mais do que qualquer "ciência política" ou "jornalismo" ou conversa fiada de esquerdistas frenéticos, de escritório. É preciso defender a Unasul. [...]
É preciso esvaziar o golpe, não dar força ao golpe. E é indispensável dar à Unasul a força que ela ainda não tenha. Contem conosco para isso. Somos Evo. É totalmente indispensável reconstruir alguma paz. É disso que se trata. Se não se alcançar alguma paz, não haverá nem Bolívia alguma para os "bolivarianos" defenderem, feito doidos, à espada. [...]
Castor Filho

O ACELERADOR DE PARTÍCULAS LHC

É inacreditável como se fazem experiências que podem colocar em risco a vida no mundo!
Ana Medeiros (Portugal)

Não só acho que o professor Rössler tem razão, como sei que ele sabe bem do que está falando, é um cientista. Como pode um grupo de pessoas tomar decisões que venham colocar em risco a humanidade e as autoridades ficarem de braços cruzados, assistindo de camarote, sem tomar uma atitude que os impeça?! Oxalá Deus nos livre desta irresponsabilidade dos que se acham "sábios". [...]
Maria José Ximendes de Albuquerque Ferreira

Acredito que as pessoas não foram ouvidas para saber sua opinião com relação ao destino de todo um planeta. A ética deve primar a vida do ser humano. Um pequeno grupo de pessoas não pode decidir o futuro da humanidade.
Rosane Walin

Não concordo com o facto de a comunidade científica se achar no pleno direito de elaborar experiências que poderão colocar em risco a vida da humanidade.
Paula Silva (Portugal)

[...]Na medida em que há aceleração de um corpo, há também imprevistos. Até pouco tempo se acreditava que elétrons giravam ao redor de seus núcleos em órbitas elípticas. Segundo Heinsenberg e o seu "princípio da incerteza", podemos hoje considerar a região ao redor do núcleo do átomo como uma nuvem onde não podemos detectar sua velocidade e sua posição ao mesmo tempo pois quando iluminamos uma órbita o elétron absorve energia e pula para uma camada seguinte. O que há em comum entre esses dois cientistas e suas respectivas teorias é que procuravam respostas sobre a trajetória do elétron ao redor do núcleo do átomo, contudo a teoria de Heinsenberg derrubou a teoria passada e os matemáticos a definem da seguinte maneira: "produto da incerteza associada ao valor de uma coordenada xi e a incerteza associada ao seu correspondente momento linear pi não pode ser inferior, em grandeza, à constante de Planck normalizada." Em termos científicos não há verdade absoluta. Paulo

Acho que deveríamos pensar melhor antes de fazer uma experiência tão arriscada com LHC. Será que os cientistas sabem o que estão fazendo?! Sempre há espaço para erros ocultos.
Karine Sonayra

Isso pode ser o Apocalipse, com certeza, eles não têm liberdade para fazer isso, mas vão... Quem somos nós para fazer parar isso? Então é todo mundo torcer para que não aconteça nada, porque esse bando de loucos não tá com nada. Acho que vai ser a destruição do nosso planeta mesmo. Não agüento mais, não paro de pensar nisso. Minha vida tá otima. Não queria que o mundo se acabasse, sinceramente. Por favor, sou uma simples pessoa normal da Terra. Se tiver muitas probalidades de destruição, por favor parem com isso antes que seja o fim da humanidade!!
Dario Soares Rodrigues Neto



ORHAN PAMUK

Esse escritor maravilhoso, do qual li A maleta de meu pai , é mais uma vítima do extremismo religioso que impõe seus códigos de conduta a fórceps e inferniza a vida de pessoas que têm coragem de opinar e mostrar as mazelas que esse extremismo provoca na vida dos cidadãos, nos interesses do Estado e na opinião internacional.
Manoel Pereira Filho

BARACK OBAMA OU McCAIN

Tenho muito receio de políticos populistas, que apelam para melhorar a vida dos desvalidos. Qualquer governo pode fazer isso, se quiser, sem ser populista. Basta ser humanitário. O populista vira isso que está virando na Venezuela e na Bolívia. O bom político é aquele que busca melhorar a vida daqueles em condição mais difícil. E os Estados Unidos têm tudo para realizar isso, basta querer. Acredito numa coisa, o Sr. McCain nunca penderá para o autoristarismo como esses dois da América do Sul.
Gloria

CORRUPÇÃO EMPRESARIAL

É evidente que uma notícia publicada pela DW-WORLD.DE - DEUTSCHE WELLE dispensa qualquer dúvida quanto à sua veracidade. Há muitos anos, já houve notícia que tratava de desmando quanto ao recolhimento de INSS, ou coisa parecida. De qualquer modo era algo errado. Esta notícia de hoje falando de corrupção como agente corruptor não causa espanto. É apenas uma realidade. Os gestores desta empresa [Siemens] são iguais a quaisquer outros corruptores. Não têm nada de sérios.
José Piacsek Neto

A cada dia estamos vendo que realmente o sistema financeiro estava auto-regulamentado e disciplinando o comportamento dos mercados mundiais. Quando realmente será que os bancos centrais ou qualquer outra entidade reguladora irá tomar conhecimento da realidade do mercado financeiro mundial? Um organismo que custa tão caro para qualquer nação, como os Bancos Centrais, por que não previram a crise das letras hipotecárias e as maracutaias que estavam acontecendo no mundo financeiro?

Em apenas cinco anos, o mundo gerou uma elite de novos bilionários, através da valorização artificial dos ativos das empresas. E esses bilhões de dólares ganhos desonestamente ainda não foram devolvidos e os responsáveis também não estão na cadeia. Era um mundo intocável e cercado de corrupção por todos os lados. Mas está provado que tudo isso só está existindo porque a maioria das nações estão sendo governadas por interesses de grupos privados restritos e não da socieidade. Ter pena dos malandros, enquanto a sociedade civil banca os custos dessas malandragem, até quando?
João da Rocha

CHRISTIANE F.
Você acha que Christiane F. é responsável por seu destino? Ela foi pega cedo demais para ter qualquer responsabilidade. Tragicamente, os viciados são apenas parcialmente donos da própria vontade, e não por acaso a Organização Mundial de Saúde classifica o vício em drogas como "adição", do latim "adicto", ou seja, escravo. Tanto o olhar vago e opaco de Cristiane Felscherinow, quanto o olhar brilhante e firme de David Moyano são testemunhos de duas facetas da mesma dimensão trágica a que eu aludia há alguns e-mails atrás.
Lyndon C. Storch Jr.

Leia mais