1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Colômbia supera Costa do Marfim com dois gols em seis minutos

James Rodríguez e Juan Quintero marcam, e seleção colombiana alcança feito inédito: venceu pela primeira vez duas partidas em uma Copa do Mundo. Africanos ainda têm chances de classificação.

Em jogo bastante disputado, a Colômbia venceu nesta quinta-feira (19/06) a Costa do Marfim, por 2 a 1, em Brasília. Assim como na estreia, a torcida colombiana compareceu em grande número e empurrou sua seleção para a segunda vitória no torneio. Com o resultado, a Colômbia venceu pela primeira vez duas partidas em um mesmo Mundial.

Antes do pontapé inicial, chamou a atenção o choro compulsivo do volante Serey Die, da Costa do Marfim, durante o hino nacional. Ele chegou a ser amparado por companheiros. A cena lembrou bastante aquela presenciada na estreia brasileira em 2010, quando o atacante da Coreia do Norte, Jong Tae-se, também não conteve as lágrimas.

Fifa WM 2014 Elfenbeinküste Kolumbien

Rodríguez não só marcou o primeiro gol, como teve que lidar com uma bola inflável jogada pelo público

A partida começou bastante corrida, com as duas equipes lutando pelo domínio do meio de campo. Aos cinco minutos, Gutiérrez recebeu passe de Cuadrado, chutou de fora da área, mas pegou mal na bola e ela saiu sem perigo para o goleiro Boubacar Barry. A Colômbia aos poucos ia criando mais oportunidades, mas esbarrava na defesa marfinense.

Ainda assim, o que se via era muita correria em campo, mas sem muita eficiência. Aos 24 minutos, Tioté recebeu boa bola na intermediária e chutou forte, por cima do gol colombiano. Era a primeira oportunidade de gol para a seleção africana. A Colômbia respondeu em seguida com Gutiérrez, que recebeu de Rodríguez, e, livre, dentro da pequena área, perdeu chance incrível para abrir o marcador no Estádio Nacional.

Fifa WM 2014 Elfenbeinküste Kolumbien

Boubacar Barry salta, mas não consegue impedir o primeiro gol colombiano de James Rodríguez

O jogo era lá e cá, mas faltava encaixar o último passe e acertar a precisão nas finalizações. Aos 31 minutos, a Costa do Marfim teve outra chance com o sempre lúcido Serge Aurier. O lateral fez boa jogada individual e chutou rasteiro, para fácil defesa de Ospina. Enquanto a Colômbia atuava mais solta, os marfinenses demonstravam dificuldade na criação, dependendo bastante do meia Yaya Touré.

O segundo tempo começou sem alterações nas duas equipes e com a mesma intensidade da primeira etapa. As melhores oportunidades de ataque da Colômbia surgiam com a velocidade de Cuadrado. Aos 13 minutos, o jogador da Fiorentina recebeu belo lançamento de Rodríguez, fez lindo drible no zagueiro e chutou forte no travessão do gol africano. O goleiro marfinense chegou a tocar na bola.

Aos 18 minutos, a pressão colombiana surtiu efeito. Cuadrado cobrou escanteio, Rodríguez cabeceou forte e abriu o placar para a os "Cafeteros". Drogba, que estava em campo a poucos minutos, vacilou na marcação e o goleiro Barry nada pode fazer.

Fifa WM 2014 Elfenbeinküste Kolumbien

Gervinho é o primeiro marfinense a marcar em duas partidas consecutivas de Copa do Mundo

A partida ficou elétrica. Após o gol, os marfinenses se lançaram ao ataque. A estrela do time, Didier Drogba, recebeu falta próxima da área. Yaya Touré cobrou para fora. Na sequência, Aurier chutou forte cruzado e o goleiro Ospina mandou para escanteio.

E como é praxe em equipes africanas, a orientação ofensiva, mas desorganizada, acabou custando caro à equipe. Em rápido contra-ataque os colombianos marcam o seu segundo gol através de Quintero, que ficou cara a cara com o goleiro e chutou para o fundo das redes. A Costa do Marfim reagiu com Gervinho, que passou por dois marcadores, driblou o volante Sánchez e fez um belo gol diminuindo a diferença no placar.

Nos últimos 15 minutos, os marfinenses pressionaram, mas a Colômbia conseguiu repelir o ímpeto marfinense. O último lance da partida quase resultou no gol que Pelé não fez. Quintero enxergou Boubacar Barry adiantado e arriscou de longa distância, mas o goleiro marfinense conseguiu retornar a tempo para fazer a defesa.

Praticamente classificada, a Colômbia enfrenta o Japão na terça-feira (24/06) em Cuiabá. No mesmo dia, a Costa do Marfim tem o duelo decisivo contra a Grécia, em Fortaleza.

Ficha técnica

Colômbia 2 x 1 Costa do Marfim

Local: Estádio Nacional, Brasília

Arbitragem: Howard Webb (Inglaterra), auxiliado por seus compatriotas Michael Mullarkey e Darren Cann.

Gols: James Rodríguez (18'/2T), Juan Quintero (24'/2T), Gervinho (28'/2T)

Cartões amarelos: Didier Zokora (9'/2T), Ismael Tioté (44'/2T)

Colômbia: David Ospina; Juan Zúñiga, Cristian Zapata, Mario Yepes e Pablo Armero (Santiago Arias 27'/2T); Abel Aguilar (Alexander Mejía 34'/2T), Carlos Sánchez, James Rodríguez, Juan Cuadrado, Victor Ibarbo (Juan Quintero 7'/2T); Teófilo Gutiérrez. Técnico: José Pekerman.

Costa do Marfim: Boubacar Barry; Serge Aurier, Didier Zokora, Souleymane Bamba e Arthur Boka; Serey Die (Mathis Bolly 27'/2T), Ismael Tioté, Yayá Touré; Gervinho, Max Gradel (Salomon Kalou 22'/2T) e Wilfried Bony (Didier Drogba 15'/2T). Técnico: Sabri Lamouchi.

Leia mais