1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Claudio Abbado recebe prêmio na sua despedida de Berlim

O regente e diretor artístico da Orquestra Filarmônica de Berlim, o italiano Claudio Abbado, foi agraciado com o Prêmio dos Críticos Alemães pela sua obra musical.

default

O maestro Claudio Abbado encerra a carreira de diretor da Filarmônica de Berlim

O júri do Prêmio dos Críticos Alemães justificou a escolha de Claudio Abbado, argumentando: "Nosso prêmio é concedido a um artista de projeção secular, que deixou as suas marcas em muitos centros culturais da Europa e fora dela." Nesta sexta-feira, o maestro subirá pela última vez ao pódio da Filarmônica de Berlim, onde passa o cargo, em meados do ano, ao regente Simon Rattle.

Após o concerto de despedida de Berlim, Claudio Abbado regerá mais dois concertos da Orquestra Filarmônica: o primeiro no seu país natal, a Itália, e o outro em Viena, onde estudou música com Hans Swarowsky. Abbado não pensa, no entanto, encerrar inteiramente o trabalho conjunto com os músicos berlinenses. Ele planeja, a longo prazo, voltar a atuar na capital alemã e já pensa num concerto em janeiro de 2004. Claudio Abbado sofre, porém, de câncer gástrico em estado avançado, o que lança dúvidas sobre a possibilidade de concretização do projeto.

O maestro italiano foi escolhido no final de 1989 – pouco mais de um mês após a queda do Muro de Berlim – como regente permanente e diretor artístico da Orquestra Filarmônica de Berlim. Ele sucedeu um dos mais renomados regentes alemães do século XX, o carismático Herbert von Karajan. Claudio Abbado dispunha de um currículo admirável, quando se transferiu para Berlim: já dirigira o Teatro Scala de Milão (a sua cidade natal), a Orquestra Filarmônica de Viena e a Orquestra Sinfônica de Londres.

Com a sua forma discreta e modesta, Abbado conquistou rapidamente a confiança e admiração dos músicos da orquestra berlinense, consagrando-se pouco a pouco com um dos grandes maestros do século. Juntamente com a Orquestra Filarmônica de Berlim, Claudio Abbado realizou também inúmeras turnês pelo Japão, Rússia, América do Sul e Estados Unidos.

Links externos