1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Cinco formas de celebrar o Ano Shakespeare

O 400° aniversário do poeta, morto em 1616, é mais um motivo para lembrar, durante todo um ano, o legado de um dos mais famosos dramaturgos ingleses. Entre milhares de eventos, selecionamos cinco destaques.

default

Ator Benedict Cumberbatch estrela peças de Shakespeare no teatro e na TV

Outro Ano Shakespeare? Aparentemente, o mundo não se cansa do poeta nacional da Inglaterra: em 2014, um ano inteiro foi dedicado ao 450° aniversário de nascimento de William Shakespeare. Agora, 2016 marca os 400 anos de sua morte – assim, também se pode dizer que esta é a década de Shakespeare.

Entre uma lista infinita de eventos, eis uma seleção de destaques promissores:

1. Compartilhe seu "momento" Shakespeare

Para que todo mundo entre no clima de festa, um importante programa global foi lançado no último dia 5 de janeiro, véspera do Dia de Reis– em inglês, Twelfth Night, nome de uma peça de Shakespeare –, pedindo às pessoas para postar sua citação favorita ou gravar um vídeo de si mesmas falando sobre algo de que gostem sobre o poeta.

O programa faz parte da campanha de coleta de fundos para o serviço filantrópico britânico Trabalho Voluntário no Exterior (VSO, na sigla em inglês). Confira a hashtag #PlayYourPart no Twitter e no Facebook.

2. Caminhada completa

Um ponto alto na celebração do 400° aniversário de morte de William Shakespeare em Londres acontecerá no fim de semana de 23 e 24 de abril (ele morreu em 23 de abril).

Chamado de The Complete Walk (A caminhada completa), o evento transformará um trecho de quatro quilômetros ao longo do Tâmisa, de Westminter até a Tower Bridge, com 37 telões exibindo 37 curtas-metragens para cada uma das 37 peças de teatro do dramaturgo inglês. Encomendadas pelo teatro Shakespeare's Globe, estes filmes foram todos rodados no local onde se passa a peça – por exemplo, Antônio e Cleópatra foi filmado em frente às Pirâmides do Egito; Hamlet, na Dinamarca e Romeu e Julieta, em Verona.

3. Hamlet em turnê mundial de dois anos

Para aqueles que não puderem ir a Londres, o Shakespeare's Globe irá até eles. O renomado teatro empreendeu um projeto ambicioso e único: a peça Hamlet deverá ser encenada em todos os países do mundo – mesmo as nações mais afetadas pela guerra ou pelo vírus do ebola poderão escutar ao vivo a frase "Ser ou não ser, eis a questão".

A atual turnê Globe to Globe teve início em 23 de Abril de 2014, três dias antes do 450° aniversário de nascimento do poeta e será concluída no aniversário de sua morte, em 23 de Abril de 2016. Nesta quarta-feira (13/01), um grupo de 16 pessoas apresenta a peça no Catar. Hamlet ainda deverá ser encenada na Libéria, Serra Leoa, Afeganistão, Iraque, Irã, entre muitos outros países.

4. Shakespeare revisitado por romancistas famosos

A editora Hogarth deu início à publicação de uma série de romances de alguns dos autores mais aclamados do mundo, incluindo Jo Nesbo, Margaret Atwood e Tracy Chevalier.

O próximo título da série será publicado em 9 de fevereiro: Shylock Is My Name (Shylock é meu nome) escrito por Howard Jacobson, vencedor do Prêmio Brooker. O autor reinterpretou um dos personagens mais famosos de Shakespeare, Shylock, de O Mercador de Veneza. No atual livro, um pai em conflito lida com a rejeição da filha à sua educação judaica.

Neste ano, ainda deverão ser lançados dois outros livros da série Hogarth Shakespeare: a romancista Anne Tyler, vencedora do Prêmio Pulitzer, transpôs A megera domada para a atual cidade americana de Baltimore, enquanto a autora canadense Margaret Atwood decidiu modernizar sua peça favorita de Shakespeare, A tempestade.

5. Benedict Cumberbatch: de Hamlet a Ricardo 3°

No ano passado, centenas de pessoas passaram a noite em claro numa fila, tentando conseguir ingressos para a apresentação de Hamlet no Teatro Barbican, peça que foi estrelada por Benedict Cumberbatch. O ator britânico conhecido como o novo Sherlock Holmes também ocupou as manchetes por sua estrita intolerância frente aos celulares usados para filmar performances teatrais.

Neste ano, no entanto, os aficionados poderão evitar filas de ingresso e não precisarão esconder seus celulares para ver Cumberbatch em outra apresentação de Shakespeare – na TV.

Apesar da programação exata ainda não ter sido revelada, a BBC planeja levar ao ar a última temporada da série sobre as peças de Shakespeare The Hollow Crown (A coroa oca), desta vez reunindo adaptações filmadas de Henrique 4° partes 1, 2 e 3, e terminando com Ricardo 3°.

Shakespeare definiu Ricardo como um corcunda feio "deformado e inacabado", mas o personagem irá, sem dúvida, ter uma aparência diferente: Cumberbatch – nome sempre presente em listas dos homens mais sensuais do mundo – fará o papel do rei.

Sem revelar detalhes, o The Guardian escreveu em 1° de janeiro que o ator também está envolvido num projeto próprio do jornal lembrando o 400° aniversário da morte de Shakespeare.

Mais informações sobre apresentações públicas, exposições e outros eventos criativos poderão ser encontradas no site Shakespeare400.

Leia mais

Links externos