1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Cientistas alertam para desaparecimento das praias

Aparelho desenvolvido na União Européia simula ação da erosão em regiões litorâneas do mundo.

default

Praias são ameaçadas pela erosão

Como se não bastassem as mortes e os danos materiais provocados pelos tornados, cientistas descobriram que estes fenômenos causam alterações nas regiões litorâneas afetadas. A ação estaria provocando problemas ambientais irreversíveis.

As fortes tempestades estariam causando erosões e retirando as areias das praias por onde passam. Pesquisadores da União Européia desenvolveram equipamento especial para realizar simulações sobre o quanto as áeras podem ser afetadas pela erosão.

Quando furacões como Katrina ou Wilma atingem a costa, provocam o aumento do volume das ondas, causado a erosão nas praias. Grande quantidade de areia é levada pelas ondas gigantes.

Praias podem desaparecer

Conforme o técnico do escritório de engenharia holandês Delft Hydraulics Gerben Boot, grande quantidade de areia é levada pelo avanço momentâneo do mar sobre a praia. "Se a costa não for protegida por diques ou outros mecanismos, é possível que a areia da praia desapareça. Este é um processo bastante lento, mas se não for freado pode provocar o sumiço da areia de algumas praias", explica o técnico.

Umwelt Klimaschutz Emissionshandel

Dióxido de carbono provoca superaquecimento do planeta

Conforme pesquisadores, o processo de erosão também estaria ligado ao aumento da temperatura do planeta, que provocaria, em conseqüência, o aquecimento dos oceanos. O nível do mar nas regiões litorâneas pode aumentar mais de 90 centímetros em um século, dependendo da quantidade de dióxido de carbono liberada para o ar.

Aparelho simula desastre ambiental

O avanço do mar é considerado bastante intenso, sendo apontado como responsável pela retirada de três quartos da areia das regiões litorâneas afetadas. Com o aparelho desenvolvido pelos pesquisadores, é possível simular quanto de areia pode desaparecer pela ação do fenômeno em todos os continentes, inclusive na Antártida.

O modelo não exige a implementação de supercomputadores. Os cientistas querem desenvolver com o apoio de países desenvolvidos estudos regionais. Eles não forneceram detalhes das simulações, mas já estão realizando os primeiros testes.

Erosão é constatada na Europa

Conforme o geografo holandês do Instituto para Estudos de Alterações Climáticas de Potsdam Richard Klein, foi possível notar que as praias do norte da Alemanha, da Holanda e da Espanha já começam a apresentar os sinais da erosão. "E este quadro pode piorar. O nosso estudo mostra claramente que o processo de erosão nessas praias está ligado ao aumento do nível do mar".

Os pesquisadores não arriscam dizer que as praias podem desaparecer. No entanto, querem fazer estudos regionais utilizando o novo aparelho, para descobrir onde o risco é maior.

Leia mais