1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Ciência combate o sono ao volante

Cientistas alemães desenvolvem um sistema eletrônico para evitar que o motorista caia no sono enquanto dirige. O equipamento monitora as funções de quem dirige, emitindo um alerta quando aparecem sinais de cansaço.

default

Cansaço no trânsito pode ser fatal

Qual o motorista que não conhece a sensação de cansaço depois de dirigir por horas a fio? A medida em que o tempo na direção aumenta, diminuiu a oxigenação do organismo gerando perda de concentração e, finalmente, aquele soninho, aquela vontade irresistível de piscar... só um pouquinho...

O resultado na maioria das vezes é trágico: perda do controle do veículo, capotagem e acidente, inclusive fatal. Com o intuito de minimizar esta situação, já que nem todos os motoristas percebem que está na hora de fazer uma pausa, e para atender àqueles que sofrem não de negligência mas de distúrbios do sono e precisam dirigir, o Instituto Frauenhofer da Universidade de Stuttgart está desenvolvendo um sistema de alerta de cansaço.

O equipamento funciona como uma espécie de co-piloto. Trata-se de instrumentos de medição instalados no veículo, que monitoram as funções e os olhos de quem dirige, emitindo diversos sinais de alerta quando surgem os primeiros indícios de cansaço.

"Nosso sistema controla o motorista através de vários sensores, um que mede a força das mãos na direção, outro, uma câmera, que vigia os olhos, mais um que controla o comportamento do piloto, como aceleragem súbita e manobras bruscas. Todas estas informações são constantemente processadas. Se ficar evidenciado que o motorista está cansado, o sistema de alerta é disparado. Ele emite sons, comandos de voz, acende luzes e ainda aciona uma vibração no cinto de segurança", esclareceu Dr. Manfred Dangelmeier, coordenador do projeto que está sendo desenvolvido com apoio dos maiores fabricantes de veículos da Alemanha.

Antes do sono

O sistema é bem mais eficiente do que os equipamentos à disposição no mercado. A maioria alerta o motorista apenas com sinais acústicos ou só disparam quando a situação já é irreversível. Pegar no sono na direção acontece muito rapidamente e quase sempre é um gesto inconsciente de cansaço.

O Awake-System, como é chamado, alerta o piloto antes que ele pegue no sono. E só será realmente eficiente, se for acionado durante a fase do cansaço. Caso contrário, o motorista pode levar um susto ao ser acordado e acabar provocando um acidente.

Sistema em ação

Um motorista profissional aceitou ser o piloto de testes virtuais do novo invento. Acompanhar o sistema em ação, mesmo que simulado, impressiona. Dirigindo na auto-estrada, a mais de 100 por hora, o motorista dá uma piscadela proposital. O alarme dispara com sinais acústicos e visuais e uma voz feminina avisa: "Alerta de cansaço! Para desligar o sistema aperte na tecla ao lado do volante. Para sua segurança encoste o veículo na próxima área de descanso e faça uma pausa".

"Eu dirijo muito e conheço bem este problema de cansaço ao volante", disse o piloto de testes que trabalha como motorista em uma empresa de transportes e prefere ficar no anonimato. Ele revelou que agora está ciente de quão rápido o cansaço pode dominar a pessoa. "Agora, quando percebo que estou realmente cansado sei que não adianta continuar dirigindo. Estaciono o veículo assim que possível e cochilo por umas duas horas.

Esta continua sendo, aliás, a decisão mais acertada. Técnicos e especialistas em trânsito lembram que não há equipamento no mundo que substitua o bom senso. Os sistemas e aparelhos eletrônicos nunca poderão ser considerados cem por cento seguros e confiáveis.

Leia mais

Links externos