1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Chuva de medalhas para equipe alemã

Após conquistar seis medalhas nesta quarta-feira, Alemanha está em segundo lugar na classificação e reaqueceu a esperança de mais uma vez ser o país com mais títulos conquistados. Em Nagano, a Alemanha levou 29 medalhas.

default

Barbara Niedernhuber, Sylke Otto e Silke Kraushaar, imbatíveis no luge

Apesar da decepção com a grande estrela do atual inverno alemão Sven Hannawald, quarto colocado no salto com esqui nesta quarta-feira, a equipe alemã nos Jogos Olímpicos está confiante que pode voltar a ser campeã de medalhas, como no Japão, há quatro anos.

No luge feminino, arrebatou as três medalhas de vez. A campeã mundial Sylke Otto obteve ouro, Barbara Nidernhuber, prata, e Silke Kraushaar, bronze. O luge é um trenó semelhante a um carrinho de rolimã, sobre o qual o atleta escorrega deitado num circuito de gelo, de 1,3 mil metros, cheio de curvas.

Biatlo - Outras três medalhas vieram nas provas de biatlo. Duas no sprint feminino (7,5 Km): Kati Wilhelm, primeira colocada, e Uschi Disl, segunda. E uma de prata no sprint masculino (10 Km), conquistada por Sven Fischer. O biatlo reúne o esqui na neve e a precisão no tiro ao alvo.

A decepção do dia foi Sven Hannawald, o ídolo do esporte de inverno alemão, vencedor das três provas de salto de esqui mais importantes do mundo, no começo do ano. "Apenas" medalha de prata no domingo, na rampa de 90 metros, Hannawald sofreu uma queda ao aterrissar ontem (13) no seu segundo salto na rampa de 120 metros.

Mesmo assim, conseguiu garantir o quarto lugar. O ouro ficou com o suíço Simon Ammann, seguido do polonês Adam Malysz. Pelos bons resultados obtidos nas provas individuais, a delegação alemã espera mais medalhas nos revezamentos e nas competições de duplas e equipes.

Os cinco primeiros do quadro de medalhas (25 das 78 provas disputadas)

  • Noruega: 5 ouro – 3 prata – 0 bronze
  • Alemanha: 4 – 6 – 2
  • EUA: 3 – 5 – 2
  • Finlândia: 2 – 1 – 1
  • Itália: 2 – 1 – 0