1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

China resgata 4 mineiros que passaram 36 dias soterrados

Equipes de resgate cavam dois túneis para chegar aos trabalhadores que ficaram presos a uma profundidade de mais de 200 metros. Treze pessoas continuam desaparecidas devido ao acidente, que aconteceu no Natal.

Quatro mineiros que passaram 36 dias soterrados depois do desabamento de uma mina foram resgatados nesta sexta-feira (29/01) no leste da China. A mina de gipsita na província de Shandong desmoronou no Natal. O acidente matou uma pessoa e deixou 17 desaparecidos, incluindo os quatro sobreviventes.

As equipes de regaste encontram os mineiros a uma profundidade de mais de 200 metros. A emissora de televisão estatal chinesa CCTV mostrou o resgate de um dos mineiros, que foram transportados para fora da mina por dois túneis cavados após o desastre. A operação durou cerca de duas horas para cada uma das operações de salvamento.

Os mineiros foram resgatados, um por um, em uma cápsula. O desmoronamento no dia 25 de dezembro de 2015 foi tão forte que equivaleu a um abalo sísmico de magnitude 4. No momento do acidente, 29 mineiros estavam no local. Onze foram resgatados nos dias seguintes, um morreu e 13 continuam desaparecidos.

Cinco dias depois do acidente, os quatro mineiros foram detectados por câmeras com sensores infravermelhos. Os mineiros contaram aos socorristas que estavam em passagens subterrâneas que resistiram intactas ao acidente. As equipes começaram, então, a cavar um túnel para resgatá-los. Através de pequenas passagens, eles receberam comida e roupas.

As condições geológicas dificultaram o regaste, devido à instabilidade da mina. Dois dias depois da tragédia, o proprietário da mina pulou em um poço e morreu afogado, num aparente suicídio. As causas do desabamento ainda não foram determinadas.

As minas na China são consideradas as mais mortais do mundo, mas melhorias na segurança reduziram o número de mortes nos últimos anos. Em 2015, somente na exploração de carvão, 931 mineiros perderam suas vidas.

Em 2010, no Chile, 33 mineiros foram resgatados após passarem 69 dias soterrados. O resgate foi transmitido ao vivo na televisão.

CN/ap/afp

Leia mais