1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Centenas de pessoas ficam feridas em atentados no Afeganistão

Quatro bombas explodem em Cabul, em menos de 24 horas. Pelo menos 35 pessoas morrem e mais de 250 ficaram feridas nos ataques. Talibã assume autoria de atentado suicida em escola da polícia.

Pelo menos 35 pessoas morreram e mais de 250 ficaram feridas em quatro atentados a bomba que atingiram a capital do Afeganistão nesta sexta-feira (07/08). A série de ataques começou com a explosão de um carro-bomba na região central de Cabul, ainda de madrugada.

A explosão, descrita por testemunhas como uma das maiores já acontecidas na capital, abriu uma cratera no chão. Mais de 240 pessoas ficaram feridas e 15 morreram no atentado.

O segundo ataque ocorreu na escola de polícia. Segundo autoridades, o suicida chegou ao local vestindo um uniforme da polícia. Ao se aproximar de um grupo de cadetes, que estava do lado de fora do prédio, ele detonou os explosivos que carregava no colete, matando 20 pessoas e ferindo outras 25.

O chefe do Departamento de Emergência do Ministério do Interior, Homayoon Aini, disse que uma equipe está investigando os detalhes do atentado e alertou que o número de vítimas pode aumentar. O movimento fundamentalista Talibã assumiu a autoria do ataque.

Mais tarde, duas bombas explodiram perto de uma região onde estão localizadas as bases da coalizão e prédios do governo afegão. Tiros foram ouvidos após a explosão. O número de vítimas desses ataques não foi divulgado.

Os atentados desta sexta-feira foram os maiores na capital afegã, desde a confirmação da morte de mulá Omar, o líder do Talibã, no fim de julho.

CN/afp/ap/rtr/lusa

Leia mais