1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Cem anos de Lúcio Costa

Brasileiro entrou para a história da arquitetura pela ousadia de seus projetos. Mesmo após a morte, suas obras ainda são lembradas e estudadas internacionalmente.

O aniversário de cem anos do criador de Brasília está sendo comemorado tanto no Brasil, como na Europa. Uma reportagem do jornal suíço Neuer Zürcher Zeitung traz na edição desta quarta-feira (27) o perfil de Lúcio Costa, ressaltando a sua importância para a arquitetura internacional e o definindo como o "responsável pela modernização da linguagem da arquitetura".

Mais do que elogiado, o arquiteto é também exemplo para os especialistas da área na atualidade. Em julho, uma amostra de suas obras fará parte da programação do 22º Congresso Internacional de Arquitetura de Berlim.

Pioneiro no movimento da arquitetura moderna no Brasil, Lúcio Costa ficou conhecido pelo processo de urbanização que implementou em Brasília. Com seu inovador Projeto Piloto, colocou a cidade a bordo de um avião e foi pousar na história da arquitetura como o criador do projeto mais ousado do século XX.

O arquiteto que, segundo o jornal "tentava provar a coexistência entre tradição e modernidade", nasceu no dia 27 de fevereiro de 1902, em Toulon, na França. Filho de pais brasileiros, foi para o Brasil ainda jovem. Na década de 1930, ocupou o cargo de diretor da Escola Nacional de Belas Artes. Durante sua gestão, trouxe para o Brasil o arquiteto Le Corbusier e implantou um novo sistema docente que deu início a uma nova geração de arquitetos brasileiros.

Aos 86 anos, morreu de enfarte, deixando de herança grandes projetos como, o pavilhão brasileiro da New York World's Fair, que realizou em parceria de Oscar Niemeyer, e o conjunto residencial do Parque Guinle, no Rio de Janeiro. Ainda hoje, suas obras são reconhecidas e admiradas no Brasil e internacionalmente

Congresso de Arquitetura – O Instituto dos Arquitetos do Brasil irá promover uma mostra itinerante que poderá ser vista mundo afora. Na Alemanha, o evento acontecerá em Berlim, durante o 22º Congresso Internacional de Arquitetura. De 19 a 30 de julho, arquitetos e especialistas se encontrarão para uma série de fóruns, debates e discussões que versarão entre os temas: "Arquitetura e os desafios da sociedade", "Arquitetura, infra-estrutura cultural e social", "Arquitetura, moradia e construção urbana", "Arquitetura e conceitos da durabilidade", "Arquitetura e lazer" e Arquitetura e o futuro da profissão".

Links externos