1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

CeBIT America aposta na globalização da TI

Foi aberta em Nova York a primeira CeBIT America, filial da Cebit de Hanôver, a maior feira mundial de TI (tecnologia de informação).

default

Logotipo da CeBIT America

Na inauguração, a 17 de junho, a ministra alemã da Educação, Edelgard Bulmahn (SPD), recepcionou cerca de 200 representantes da política e economia. Ele pediu aos empresários para investir na Alemanha, ressaltando as vantagens do país: um grande mercado e baixos impostos para as empresas.

A CeBIT America está apostando na globalização do mercado de tecnologia da informação e telecomunicações e no vácuo das feiras de computadores dos Estados Unidos, como a Comdex, que cessaram este ano suas atividades.

Opções de B2B

O conceito da CeBIT America está voltado para os negócios entre as empresas, ou seja o setor B2B (business-to-business). Os stands foram agrupados por similaridade de tecnologias, e entre eles há várias áreas de descanso, destinadas a promover encontros e discussões entre empresários.

Em termos de tecnologia, destacam-se os produtos de estocagem, redes e transmissão de dados sem fio.

Estratégia de otimismo

A CeBIT America é parte da estratégia de globalização da Deutsche Messe AG, iniciada há dois anos. A CeBIT já abriu filiais em três países: Turquia, Austrália e China.

Segundo Ernst Raue, presidente da CeBIT, a exposição de Nova York é um investimento a longo prazo. Este ano não está previsto nenhum lucro, mas espera-se atrair assim o interesse da opinião pública para o setor de TI, cuja confiança foi abalada com o crash das bolsas de valores.

Leia mais

Links externos