1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Casal de skinheads é condenado por atacar estrangeiro

Uma skinhead e seu namorado pegam penas de 5 e 6 anos de prisão por causa de lesões corporais por motivos xenófobos.

Um ano depois do ataque de um grupo de skinheads contra um grego, em Munique, depois de uma festa de aniversário, um casal foi condenado a longas penas de prisão, com base no Código Penal de Menores. Maria von P., de 17 anos, pegou 5 anos de prisão, e o seu namorado Christoph S. 6 anos. Os dois foram considerados culpados por tentativa de homicídio.

Outros 3 cúmplices pegaram penas de 15 meses a 3 anos e meio de prisão por grave lesão corporal. Um grupo de turcos salvou a vida da vítima de 31 anos de idade. Um turco teve também de ser hospitalizado com ferimentos graves.

O juiz Werner Ulrich justificou que o casal de skinheads espancou e pisoteou a vítima sem misericórdia pelo simples fato de ser um estrangeiro. O tribunal considerou como agravante o fato de Maria ter agredido o grego com palavrões típicos do vocabulário dos neonazistas, mas também apreciou como atenuante o desejo manifesto da moça de deixar o reduto da extrema-direita. Foi a jovem, muito embriagada, quem começou a agressão verbal e física contra o imigrante, recebendo em seguida a ajuda do seu namorado e dos amigos furiosos.