Casa Branca é liberada após disparo | Notícias e análises internacionais mais importantes do dia | DW | 20.05.2016
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Casa Branca é liberada após disparo

Suspeito é alvejado por agente do serviço secreto americano depois de fazer ameaça e se negar a entregar arma. Casa Branca chegou a ser completamente fechada. Presidente Barack Obama não estava no local.

A Casa Branca foi brevemente fechada nesta sexta-feira (20/05), depois de um tiroteio nas proximidades. Segundo a polícia, agentes do serviço secreto americano atiraram num suspeito, que foi preso.

Um agente atirou quando o homem se negou a entregar uma arma. Ele tinha se aproximado de agentes de segurança fazendo ameaças.

O suspeito foi levado a um hospital com ferimentos graves, informou o departamento de bombeiros e serviços de emergência médica do Distrito de Columbia.

O presidente americano, Barack Obama, não estava no local e ninguém de sua equipe ficou ferido.

"Ninguém dentro ou associado com a Casa Branca ficou ferido, e todos na Casa Branca estão seguros", afirmou um funcionário da Casa Branca.

A troca de tiros ocorreu na West Executive Drive, a quase uma quadra de distância da Casa Branca. O suspeito não chegar a entrar no complexo. Todos os acessos à Casa branca foram fechados.

KG/rtr/afp

Leia mais