1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Capitão Thiago Silva diz que Seleção ganha com ida de Neymar para o Barça

Na apresentação para a Copa das Confederações, zagueiro garante que atacante vai amadurecer como jogador com a camisa do clube espanhol e pode ajudar a dar mais experiência ao time de Luiz Felipe Scolari.

O zagueiro Thiago Silva disse nesta terça-feira (28/05) que a ida de Neymar para o Barcelona será boa não só para a carreira do atacante, mas também para a seleção brasileira – que, num período de transição de gerações, precisa, além de talentos, de nomes que agreguem experiência.

"É claro que a gente só pode afirmar ou criticar depois que ele chegar lá e tiver jogado, mas a transferência certamente foi boa pra ele", disse o capitão da seleção brasileira por telefone à DW Brasil, pouco antes da apresentação para a Copa das Confederações num hotel no Rio de Janeiro. "No meu modo de ver, a ida dele para o Barcelona só tem a acrescentar para ele, como jogador, e para a seleção brasileira."

Aos 28 anos, Thiago Silva é um dos nomes mais experientes da seleção convocada para a Copa das Confederações – e um dos poucos, ao lado de Júlio César, Daniel Alves e Fred, a já terem participado de uma Copa do Mundo. Na Europa desde 2009, o zagueiro diz ter vivido um processo de amadurecimento dentro de campo com as camisas do Milan e do Paris Saint-Germain e espera que aconteça o mesmo com Neymar na Espanha.

Bildergalerie Brasilianische Sportler Olympischen Sommerspiele 2012

Neymar com a camisa da seleção

"Depois de seis ou sete meses de adaptação, tenho certeza que ele voltará um jogador ainda melhor", diz Thiago. "Lá, como aconteceu comigo e com o Lucas no Paris Saint-German, ele aprenderá outra forma de pensar, de enxergar o jogo. Como bom jogador, ele não terá qualquer problema de adaptação."

A seleção brasileira começou a se apresentar nesta terça-feira para a Copa das Confederações, que começa no próximo dia 15 de junho. Antes, porém, o time comandado por Luiz Felipe Scolari fará dois amistosos. No domingo, na reabertura do Maracanã, joga com a Inglaterra. E no dia 9, enfrenta a França na Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

Leia mais