1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futebol

Campeões mundiais recebem maior condecoração esportiva da Alemanha

Jogadores e treinador vencedores da Copa no Brasil são homenageados com a Folha de Prata. Presidente Joachim Gauck enfatiza importância histórica do título mundial, o primeiro do país reunificado.

O presidente alemão, Joachim Gauck, condecorou nesta seguinda-feira (10/11) os campeões mundiais da seleção alemã de futebol com a Folha de Prata – a maior distinção esportiva concedida pelo governo alemão. Numa cerimônia em estilo família no Palácio Bellevue, a residência oficial do chefe de Estado da Alemanha, Gauck exaltou a importância histórica do quarto título mundial da Mannschaft.

"Pela primeira vez, a Alemanha reunificada tornou-se campeã do mundo", disse o presidente, no dia seguinte ao aniversário de 25 anos da queda do Muro de Berlim.

Gauck Silbernes Lorbeerblatt für die DFB Nationalmannschaft 10.11.2014 Berlin

Mario Götze, autor do gol do título mundial, recebe a Folha de Prata do presidente Gauck (esq.)

A chanceler federal alemã, Angela Merkel, o ministro do Interior, Thomas de Maizière, e o presidente da Fifa, Joseph Blatter, também participaram da cerimônia em homenagem aos campeões mundiais.

Com um largo sorriso no rosto, Merkel – que se mostrou torcedora assídua durante a Copa, inclusive posando para fotografias nos vestiários – cumprimentou cada um dos jogadores e o treinador Joachim Löw.

O capitão do Tetra, Philipp Lahm, agradeceu ao presidente e à chanceler federal pelo apoio. Para alguns atletas, incluindo Lahm, esta não foi a primeira Folha de Prata recebida por um bom desempenho na Copa do Mundo.

"Mas pela primeira vez trouxemos o troféu. Isso é algo muito especial para a nossa geração", destacou o lateral-esquerdo. Assim como o artilheiro Miroslav Klose e o zagueiro Per Mertesacker, Lahm se aposentou da seleção alemã após o 1 a 0 contra a Argentina, na final do Mundial no Rio de Janeiro.

"Somos todos campeões mundiais"

Merkel mit Spielern Silbernes Lorbeerblatt für die DFB Nationalmannschaft 10.11.2014 Berlin

Merkel, que se mostrou torcedora assídua durante a Copa, cumprimenta os jogadores um a um

Gauck falou ainda de um "forte sentimento coletivo" que o futebol gera na Alemanha. "A verdade é que, na Alemanha, sentimos como se todos fossemos campeões mundiais", disse o presidente. E o país agradece por isso, completou.
A delegação da Federação Alemã de Futebol (DFB) foi liderada por seu presidente, Wolfgang Niersbach. Do zagueiro Jérôme Boateng, passando pelo novo capitão, Bastian Schweinsteiger, até o goleiro reserva Ron-Robert Zieler, os jogadores foram condecorados em ordem alfabética por Gauck e Merkel.

Num discurso com fortes conotações políticas, o presidente alemão enfatizou especialmente o espírito de equipe dos 23 campeões mundiais, dos quais apenas os meias Julian Draxler e André Schürrle não estiveram presentes no evento.

"Nós vencemos juntos. Esta é a mensagem desta equipe", afirmou Gauck. O presidente também destacou a importância sócio-política da seleção nacional e o papel dos jogadores de servir como exemplo. A cerimônia foi encerrada com todos cantando o hino nacional da Alemanha.

Esta segunda-feira também marca a estreia na Alemanha do documentário Die Mannschaft (A Equipe, em tradução livre), que reconta a aventura da seleção alemã na Copa do Mundo do Brasil. Com 85 minutos de duração, o filme inclui imagens filmadas pelos próprios jogadores.

Leia mais