1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Butim de guerra soviético de volta a igreja alemã

As janelas da igreja Marienkirche, levadas pela União Soviética em 1946, retornaram, finalmente, neste sábado (29), ao seu lugar de origem na Alemanha.

default

Igreja Marienkirche no centro da cidade histórica de Frankfurt à margem do Oder

É a primeira vez que a Rússia devolve um butim de guerra tão grande à Alemanha. As janelas do século 14 foram desmontadas durante a Segunda Guerra Mundial e levadas em 1946, um ano após o fim do conflito, por oficiais de cultura da União Soviética para o eremitério de São Petersburgo.

Nos próximos dois anos, as janelas de cristal e chumbo serão restauradas e remontadas em seus devidos lugares. Os custos desse trabalho está orçado em 1,6 milhão de euros. O secretário de Cultura do estado de Brandemburgo, Julian Nida-Rümelin, que presidiu as negociações com a Rússia sobre a devolução do butim de guerra, manifestou-se confiante com um avanço das conversações para que Moscou devolva outras obras de arte alemãs levadas pelo Exército Vermelho.

As negociações haviam permanecido estagnadas durante dez anos e a volta das janelas significa, segundo o secretário da Cultura, que "a Alemanha resgatou uma hipoteca do passado e inicia uma nova era".

O bispo luterano de Berim e Brandemburgo, Wolfgang Huber, ajudou, simbolicamente, a tirar do caminhão os 22 caixotes de madeira com as janelas. "O coração da igreja está de volta", disse ele emocionado e sob aplausos de fies que compareceram para ver o retorno do butim de guerra 57 anos depois do roubo dos soviéticos.