Brasileiros na Alemanha também optam por segundo turno entre Dilma e Serra | Eleições 2014 | DW | 04.10.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Eleições 2014

Brasileiros na Alemanha também optam por segundo turno entre Dilma e Serra

Diferença entre os dois candidatos mais bem votados foi menor na Alemanha do que no resultado total. Menos da metade dos 8 mil brasileiros inscritos no país foram votar.

default

Eleitores fazem fila para votar em Frankfurt

A comunidade brasileira que vive fora do Brasil também compareceu às urnas nas 126 cidades de 87 países onde foi possível votar. Mais de 200 mil brasileiros estão inscritos para votar no exterior, segundo o Tribunal Regional Eleitoral do Distrito Federal (TRE-DF), responsável pelo cadastro de eleitores no exterior. Na Europa, o maior colégio eleitoral fica em Portugal.

Na Alemanha, os brasileiros puderam votar nos consulados do Brasil em Frankfurt e em Munique e na Embaixada de Berlim. Dos 8.533 brasileiros aptos a votar no país, 3.430 apertaram a tecla confirma e ouviram o tradicional som das urnas eletrônicas. Apesar das eleições serem gerais, os brasileiros residentes no exterior votam somente para presidente.

Em Frankfurt, dos mais de 3 mil brasileiros aptos a votar, apenas 1.217 compareceram a uma das oito seções eleitorais instaladas no consulado brasileiro. A estudante Jaqueline Meireles, de 29 anos, paulista que há oito anos mora na Alemanha, saiu de Bonn, no estado da Renânia do Norte-Vestfália, e viajou 200 quilômetros de trem até Frankfurt somente para votar.

"O que me levou a ir para Frankfurt foi meu compromisso como cidadã. Como estudante de ciências políticas, sinto-me no dever de votar, é o mínimo que eu deveria fazer. O cidadão que não cumpre seu dever como cidadão não pode exigir seus direitos. Só quem faz parte da política de alguma forma tem como reclamar seus direitos", disse Jaqueline.

Na Alemanha, a candidata do PT, Dilma Rousseff, obteve 36,23% dos votos. José Serra, candidato do PSDB, somou 34,57%. A candidata do Partido Verde, Marina Silva, conquistou 24,08% dos votos.

Em Portugal, país que abriga o maior número de brasileiros aptos a votar na Europa, havia mais de 23 mil brasileiros inscritos para a atual eleição, de acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral do Brasil (TSE). Havia seções eleitorais coordenadas pela Embaixada do Brasil em Lisboa e na cidade do Porto.

Segundo o supervisor de tecnologia do TRE-DF, Ricardo Negrão, a eleição de 2010 foi a mais tranquila já realizada no exterior. Em apenas uma seção localizada em Paris foi necessário usar cédulas, pois a urna eletrônica ficou retida na Espanha.

Autor: Rafael Belincanta
Revisão: Alexandre Schossler

Leia mais