1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Brasileiro garante única vitória da Tunísia

Com dois gols do brasileiro Francileudo dos Santos, Tunísia se despede da Copa das Confederações com vitória sobre a Austrália.

default

Dos Santos (11) comemora gol contra a Austrália

Com uma vitória de 2 a 0 sobre a Austrália, em Leipzig, nesta terça-feira (21/06), a Tunísia despediu-se da Copa das Confederações 2005 e se abasteceu de ânimo para os jogos que ainda precisa disputar pelas Eliminatórias à Copa 2006 na Alemanha.

Os dois gols do jogo foram marcados pelo astro do time, o brasileiro Francileudo dos Santos, o mesmo que levou a Tunísia a conquistar a Copa da África em 2004.

Ao contrário do que fez no jogo de estréia contra a Alemanha, quando pressionou os donos da casa na derrota de 4 a 3, a Austrália sucumbiu de vez no Zentralstadion e se despediu do torneio sem marcar pontos.

A Tunísia dominou o jogo e poderia ter vencido por um placar ainda mais folgado. Sem motivo aparente, o árbitro chileno Carlos Chianda Alarcon anulou o primeiro gol dos tunisianos, marcado por Adel Chadli, numa cobrança de falta aos 23 minutos do primeiro tempo. Três minutos depois, Francileudo dos Santos abriu o placar, aproveitando falha do goleiro Petkovic, que substituiu Schwarzer no gol australiano.

Confederations Cup

Francileudo dos Santos (e) comemora primeiro gol do jogo com Jawhar Mnari

Também no segundo tempo, Francileudo dos Santos – que atua no Sochaux no campeonato francês – fez a diferença para a Tunísia. Primeiro, sofreu uma falta dura de Cahill. Em seguida, aproveitou uma falha do zagueiro Greg Moore (ex-Borussia Mönchengladbach) para fechar o marcador em 2 a 0.

Nas Eliminatórias, a Tunísia ainda enfrenta o Quênia (17/08 e 02/09) e o Marrocos no dia 7 de outubro. Somente o vencedor do grupo 5 africano se classifica para a Copa 2006.

Para a Austrália, a decisão nas Eliminatórias acontece em dois jogos contra as Ilhas Salomões, nos dias 3 e 7 de setembro. O vencedor enfrenta o quinto colocado do grupo sul-americano na repescagem.

AUSTRÁLIA 0 x 2 TUNÍSIA

Austrália
Petkovic; McKain, Moore, Vidmar, Neill e Colosimo; Culina, Skoko (Cahill) e Chipperfield (Milicevic ); Viduka (Thompson) e Aloisi
Técnico: Frank Farina

Tunísia
Kasraoui; Trabelsi, Namouchi, Saidi, Ayari; Mnari, Nafti, Ben Saada (Ghodhban), Chedli (Jomaa); Santos (Jaziri), Guemamdia
Técnico: Roger Lemerre

Data: 21/6/2005 (Terça-feira)
Local: Zentralstadion, em Leipzig
Público: 25 mil
Árbitro: Carlos Chianda Alarcon (Chile)
Cartões amarelos: McKain (AUS), Colosimo (AUS), Cahill (AUS) e Thompson (AUS); Ben Saada (TUN), Ayari (TUN) e Nafti (TUN)
Gols: Francileudo dos Santos (TUN), aos 26min do 1ºT, e aos 25min do 2ºT

Leia mais