1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Brasil

Brasil faz mutirão contra o Aedes aegypti

Mobilização nacional contra mosquito leva 220 mil militares e profissionais de saúde às ruas. Presidente Dilma e mais de 30 membros do governo participam das ações, realizadas em 26 estados e no Distrito Federal.

default

Dilma Rousseff durante mobilização da campanha no Rio de Janeiro

O governo brasileiro realiza neste sábado (13/02) uma mobilização nacional contra o Aedes aegypti, com 220 mil militares e profissionais de saúde nas ruas de todo o país para combater a proliferação dos focos do mosquito transmissor do vírus zika, da dengue e da chikungunya.

Agentes de saúde e membros das Forças Armadas orientam a população sobre a importância do combate ao mosquito em 353 municípios, além de distribuir cerca de quatro milhões de panfletos informativos sobre prevenção e as maneiras de eliminar os focos do inseto. A meta é inspecionar mais de 3 milhões de residências.

A mobilização, sob o lema "Zika Zero", tem participação da presidente Dilma Rousseff, que acompanha o trabalho realizado no Rio de Janeiro. Ela esteve na comunidade Zeppelin, em Santa Cruz, na zona oeste da cidade, onde participou de distribuição de material informativo e visitou casas, acompanhada do governador Luiz Fernando Pezão, do prefeito do Rio, Eduardo Paes, e de agentes de saúde.

O vice-presidente, Michel Temer, esteve em Curitiba, e mais de 30 membros do governo, entre ministros, embaixadores e secretários-executivos tomam parte das ações, realizadas em 26 estados e no Distrito Federal.

MD/lusa/ebc

Leia mais