1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Berlinale

Brasil entra na competição oficial do Festival de Berlim

Estrelado por Wagner Moura, "Praia do Futuro", do cearense Karim Aïnouz, está entre os 20 filmes que concorrem ao Urso de Ouro na Berlinale. Cineasta diz que longa é homenagem à capital alemã.

default

O diretor de "Madame Satã" e "O Céu de Suely" em um dos locais das filmagens de seu novo filme

O filme Praia do Futuro, do cineasta cearense Karim Aïnouz (Madame Satã, O Céu de Suely), foi selecionado para a competição oficial do Festival de Cinema de Berlim, como anunciou nesta quarta-feira (15/01) a organização do evento. É a primeira vez em seis anos que um longa brasileiro entra na seleção oficial da Berlinale, que ocorre entre os dias 6 e 16 de fevereiro.

Rodado em Berlim, Fortaleza e no Mar do Norte, o filme conta a história do salva-vidas Donato (Wagner Moura), que deixou o Brasil por uma paixão que acaba o levando à Alemanha e a uma nova vida. Segundo o diretor cearense, Praia do Futuro é a primeira coprodução oficial entre o Brasil e a Alemanha.

Deutschland Berlinale Jose Padilha und Marcos Prado

Wagner Moura (c) também protagonizou "Tropa de Elite", vencedor da Berlinale em 2008

Morador de Berlim, Aïnouz também divide sua vida entre a Alemanha e o Brasil. "Fico muito orgulhoso de o Praia do Futuro ser o primeiro filme brasileiro a fazer parte da seleção oficial de um dos grandes festivais do cinema mundial desde 2008. É uma honra. E é a primeira coprodução oficial entre o Brasil e a Alemanha", disse o cineasta à DW Brasil.

Segundo o diretor, o filme é uma homenagem à cidade que escolheu para viver. "É um filme de aventura e viagem, uma declaração de amor a essa cidade e à sua capacidade de se reinventar. Estar na Berlinale é uma forma de retribuir à cidade a inspiração que ela me deu", completou.

"Heróis que tiraram as máscaras"

Interview Regisseur Karim Ainouz

Karim Aïnouz e diretor de arte Marcos Pedroso em visita a locações

No filme de Karim Aïnouz, Donato (Wagner Moura) vai para a Alemanha acompanhando Conrad (Clemens Schick), um grande amor que conheceu na Praia do Futuro, onde foi criado na capital cearense. Ele desaparece para a família durante dez anos, deixando tudo para trás, até seu irmão mais novo, Ayrton, interpretado pelo novato Jesuíta Barbosa, resolver ir atrás do irmão em Berlim.

Segundo o diretor, Ayrton considera seu irmão mais velho como um herói, um ídolo. E esta parece ser também a temática do filme: "Meu filme fala de homens fortes, heróis, por assim dizer, que tiraram suas máscaras e tiveram a coragem de viver suas vidas, de superar os obstáculos que encontram pela frente e se arriscar. É um filme sobre coragem e sobre medo, sobre como o medo devora a alma", disse o diretor.

"Praia do Futuro" terá estreia mundial no Festival de Cinema de Berlim. Pela mídia especializada, o filme é considerado um dos mais esperados de 2014. Nos cinemas brasileiros, ele poderá ser visto a partir de 1° de maio.

Outros selecionados

Neste ano, o Brasil está bem representado no Festival de Cinema de Berlim. Na seção Panorama, a principal mostra paralela da Berlinale, os diretores Marcelo Gomes e Cao Guimarães concorrem com O homem das multidões, enquanto o cineasta Daniel Ribeiro participa com o filme Hoje eu quero voltar sozinho.

Assistir ao vídeo 08:13

DW entrevistou atores de "Praia do Futuro" durante as filmagens

O júri do Festival de Berlim deste ano é presidido pelo produtor americano James Schamus, responsável por filmes como Brokeback Mountain, vencedor do Oscar em 2006. Entre os jurados, está também o premiado ator austríaco Christoph Waltz.

No total, foram selecionados 20 filmes de diversos países para concorrer ao Urso de Ouro da Berlinale. Da América do Sul, além do filme de Karim Aïnouz, duas coproduções argentinas também estão no páreo. A premiação será no dia 15 de fevereiro.

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados