1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Brasil e mais oito estão garantidos para o Mundial

A três meses do sorteio dos grupos para a Copa do Mundo, já estão definidos nove dos 32 participantes do certame. Beckenbauer envia congratulações à CBF.

default

Adriano e Robinho comemoram

A sensacional goleada do Brasil por 5 a 0 contra o Chile no final de semana garantiu não só à seleção canarinho a vaga para a Copa 2006, como também representa mais um recorde para o pentacampeão: o Brasil é o único país do mundo que participou de todos os mundiais de futebol realizados desde 1930.

O alemão Franz Beckenbauer, presidente do Comitê Organizador da Copa, enviou congratulações ao presidente da CBF, Ricardo Teixeira, assinalando que "seria inimaginável uma Copa sem a presença do campeão e recordista de títulos".

Os três gols de Adriano, um de Robinho e mais um de Juan garantiram ao Brasil a segunda colocação, um ponto atrás da Argentina, no grupo da América do Sul das Eliminatórias da Copa. Ambas as seleções ainda têm dois compromissos a serem absolvidos, mas não podem mais ser alcançadas pelos demais na tabela.

Os quatro primeiros colocados classificam-se diretamente para a fase final da Copa na Alemanha. O quinto disputará a vaga com o campeão do grupo da Oceania, que provavelmente será a Austrália, depois da goleada de 7 a 0 no jogo de ida contra as Ilhas Salomão.

Os Estados Unidos foram os primeiros a garantir a classificação pelo grupo da América do Norte e Central, com a vitória de 2 a 0 sobre o México. Os três primeiros colocados deste grupo garantem vaga para a Copa, enquanto o quarto disputa a classificação com o vencedor do jogo entre os dois terceiros colocados dos grupos da Ásia. Neste grupo, aliás, Japão, Irã, Coréia do Sul e Arábia Saudita já se classificaram.

Festa ucraniana

O empate em 1 a 1 com a Geórgia bastou à Ucrânia para garantir a vinda à Alemanha no ano que vem. A festa, no entanto, só pôde começar duas horas depois do jogo, com o apito final de Turquia 2 a 2 Dinamarca. Desta maneira, a Ucrânia lidera o Grupo 2 com 24 pontos.

Mesmo que a Grécia, segunda colocada, vença os próximos três jogos e encoste nos ucranianos em número de pontos, vai prevalecer o resultado do confronto direto: 1 a 0 e 1 a 1 para a Ucrânia. Neste grupo ainda têm chances os turcos, com 17 pontos, e a Dinamarca, com 13.

Nas Eliminatórias da Europa, classificam-se automaticamente os campeões de cada um dos oito grupos e os dois melhores segundos colocados. Outros seis segundos colocados são agrupados em três pares, com jogos de ida e volta, para definir mais três classificados. Nesta briga, Holanda, Inglaterra, Portugal e Itália têm as melhores chances.

No grupo 1, a Holanda ganhou da Armênia por 1 a 0 numa partida sem brilho. Com o mesmo placar, os ingleses derrotaram o País de Gales no grupo 6. Embora a Polônia lidere o grupo dos ingleses após o 3 a 2 contra a Áustria no final de semana, a vantagem da Inglaterra é ainda ter um jogo (Áustria no dia 08/10) antes de enfrentar a Polônia em Manchester no dia 12 de outubro.

Portugal lidera o grupo 3 depois da goleada por 6 a 0 contra Luxemburgo, enquanto a Itália é a primeira do grupo 5, apesar do empate em um gol contra a Escócia. A Sérvia-Montenegro lidera o grupo 7, após bater a Lituânia por 2 a 0 e ainda não ter sofrido nenhum gol nesta fase.

A disputa pelo primeiro lugar do grupo 8 da Europa é a mais acirrada: a Croácia, que derrotou a Islândia por 3 a 1, é seguida de perto pela Suécia, que ganhou da Bulgária por 3 a 0.

Suspense também no grupo 4, onde Suíça, Irlanda e França somam 13 pontos cada uma. Enquanto a Suíça vem de um 1 a 1 contra Israel, a França venceu as Ilhas Faroe por 3 a 0 e a Irlanda ganhou do Azerbaijão por 2 a 0.

As chances dos africanos

Gana já pode pensar em reservar as passagens, pois a vaga está praticamente no bolso. Com a vitória de 2 a 0 sobre Uganda, basta ao líder do grupo 2 africano apenas um ponto do último jogo contra Cabo Verde para garantir sua primeira participação numa Copa do Mundo.

Também no curso da Copa está a República de Camarões, líder do grupo 3, que derrotou o segundo colocado, Costa do Marfim, por 3 a 2. Pelo grupo 1 da África, Togo está dois pontos à frente do segundo colocado e principal rival, o Senegal.

Angola lidera o grupo 4, após o 3 a 0 contra o Gabão, empatada (18 pontos) com a Nigéria, que bateu a Argélia por 5 a 2. No confronto direto entre os dois líderes, a vantagem é de Angola.

Corrida apertada também no grupo 5, no qual a Tunísia conquistou 20 pontos ao vencer o Quênia por 2 a 0 e está apenas um ponto à frente do Marrocos (1 a 0 contra Botsuana). A vantagem é que no último jogo da rodada, em 7 de outubro, a Tunísia terá mando de campo contra os marroquinos.

Leia mais