1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

"Boyhood" ganha Globo de Ouro

Drama rodado durante 12 anos leva três troféus, em noite marcada pela lembrança dos atentados terroristas na França. Premiação é considerada termômetro para o Oscar.

O filme foi rodado durante 12 anos e agora sai como o principal vencedor da 72ª edição do Globo de Ouro, realizada na noite de domingo (11/01) em Los Angeles. Boyhood: da infância à juventude ganhou três estatuetas: melhor filme (drama); melhor diretor para Richard Linklater; e atriz coadjuvante, para Patricia Arquette, se firmando como um dos favoritos na corrida pelo Oscar.

O grande hotel Budapesteficou com o prêmio de melhor filme na categoria comédia/musical. O longa, dirigido por Wes Anderson, conta a história de um hotel em Zubrowka, república fictícia do Leste Europeu. O Globo de Ouro é considerado um termômetro para o Oscar

Os prêmios de melhor ator e melhor atriz na categoria drama ficaram, respectivamente, para Eddie Redmayne, por seu desempenho como físico Stephen Hawking em A teoria de tudo, e Julianne Moore, como portadora de alzheimer em Para sempre Alice.

Os dois prêmios para atores de comédia ou musical foram para Michael Keaton, que interpreta um ator decadente de Hollywood em Birdman, e Amy Adams, por seu papel em Grandes olhos, de Tim Burton.

Golden Globes George Clooney Rede

George Clooney recebeu um Globo de Ouro por sua contribuição ao cinema

Menções a terrorismo na França

A cerimônia de premiação foi marcada por repetidas menções aos ataques terroristas na França. Um apelo pela liberdade de imprensa de Theo Kingma, presidente da Associação da Imprensa Estrangeira de Hollywood, foi aplaudido de pé pelo auditório.

"Juntos, vamos continuar de pé contra qualquer um que oprima o direito à liberdade de expressão", disse. "Isso se aplica a qualquer lugar do mundo, da Coreia do Norte a Paris", acrescentou, se referindo não só ao atentado contra o jornal satírico francês Charlie Hebdo, mas também ao ataque de hackers contra a Sony Pictures.

Alguns convidados usaram bótons com a frase "Je suis Charlie" (eu sou Charlie), incluindo George Clooney. O ator, de 53 anos, foi homenageado com o prêmio Cecil B. DeMille, Globo de Ouro honorário por sua contribuição ao cinema.

"Hoje foi um dia extraordinário. Milhões de pessoas marcharam, não só em Paris. Não marchamos em protesto, mas para apoiar a ideia de que não vamos andar com medo", ressaltou o ator.

Cinema

Melhor filme – Drama
Boyhood

Melhor filme – Comédia ou musical
O grande hotel Budapeste

Melhor filme estrangeiro
Leviatã (Rússia)

Melhor filme de animação
Como treinar seu dragão 2

Melhor ator – Drama
Eddie Redmayne (A teoria de tudo)

Melhor ator – Comédia ou musical
Michael Keaton (Birdman)

Melhor atriz – Drama
Julianne Moore (Para sempre Alice)

Melhor atriz – Comédia ou musical
Amy Adams (Grandes olhos)

Melhor ator coadjuvante
J.K. Simmons (Whiplash)

Melhor atriz coadjuvante
Patricia Arquette (Boyhood)

Melhor diretor
Richard Linklater (Boyhood)

Melhor roteiro
Alejandro González Iñárritu (Birdman)

Melhor trilha original para filme
Johann Johannsson – "A teoria de tudo"

Melhor canção original para filme
GlorySelma (John Legend, Common)

TV

Melhor série de TV – Drama
The affair

Melhor série de TV – Musical ou comédia
Transparent

Melhor minissérie ou filme para TV
"Fargo"

Melhor ator em série de TV – Drama
Kevin Spacey (House of cards)

Melhor ator em série TV – Comédia ou musical
Jeffrey Tambor (Transparent)

Melhor ator em minissérie ou filme para a TV
Billy Bob Thornton (Fargo)

Melhor atriz em série de TV – Drama
Ruth Wilson (The affair)

Melhor atriz em série de TV – Comédia ou musical
Gina Rodriguez (Jane the virgin)

Melhor atriz em minissérie ou filme para a TV
Maggie Gyllenhaal (The honorable woman)

Melhor ator coadjuvante em série, minissérie ou filme para a TV
Matt Bomer (The normal heart)

Melhor atriz coadjuvante em série, minissérie ou filme para TV
Joanne Froggatt (Downton Abbey)

Leia mais