1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Bonn celebra 175 anos da morte de Beethoven

A vida, morte e obra de Ludwig van Beethoven (1770-1827) serão lembradas este ano por sua cidade natal, em numerosas homenagens e eventos culturais. A Deutsche Welle é parceira do Festival Beethoven 2002.

default

Monumento a Beethoven em Bonn

Há 175 anos falecia o compositor Ludwig van Beethoven, figura-chave na virada do Classicismo para o Romantismo. O genial sinfonista deixou a cidade natal aos 22 anos de idade, porém a casa onde nasceu, uma sala de concertos e um festival continuam lembrando sua ligação com a ex-capital alemã.

A morte como objeto cultural e de culto – Em conjunção com o Museu de Cultura Fúnebre de Kassel, a Casa de Beethoven promove até 8 de setembro uma exposição sob o título "Três funerais e um óbito – O fim de Beethoven e a cultura da memória em seu tempo".

A máscara mortuária do compositor em gesso, um cacho de seus cabelos, o laudo da autópsia e a fatura do coche fúnebre estão entre os 120 objetos expostos, provenientes de Londres, Berlim, Viena e Kassel. Segundo o diretor do museu, "Beethoven teve um funeral de príncipe, ao contrário de Haydn e Mozart; seus restos mortais foram cultuados como os de um santo". Lembremos que, de Mozart, nem mesmo se sabe onde foi sepultado.

Parte da mostra é dedicada a curiosos exemplares de culto mortuário no século 19. Entre eles está o "alarme salva-vidas para mortos aparentes", uma intrincada construção envolvendo um sino e cabos ligados aos braços e pernas do presumível falecido. Outras curiosidades são a máscara mortuária de Napoleão Bonaparte, assim como as célebres madeixas do compositor Franz Schubert.

Programação intensa – Honrando o músico revolucionário, a Casa encomendou duas composições inéditas em honra de Beethoven, a serem estreadas em Bonn, no dia 8 de junho, pelo Ensemble Musikfabrik Nordrhein-Westfalen. A instituição comemora no final de maio os 75 anos de existência de seus arquivos. Ao longo de três dias, especialistas revelarão as mais recentes descobertas científicas sobre a vida do "Titã da Música".

Além disso, uma outra exposição extraordinária com o tema "Beethoven e Liszt" está programada para meados de setembro, por ocasião do Festival Beethoven, do qual a Deutsche Welle é parceira.

Leia mais

Links externos