1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Boko Haram sequestra cerca de 80 pessoas em Camarões

Em ataque a aldeia no norte do país, terroristas levaram cerca de 50 crianças entre 10 e 15 anos. Militares do Camarões recebem reforço vindo do Chade. Na Nigéria, atentado suicida mata quatro pessoas.

Militantes do Boko Haram sequestraram neste domingo (18/01) cerca de 80 pessoas, entre elas crianças, em aldeias no norte de Camarões. Outras três pessoas teriam sido mortas durante o ataque, no qual dezenas de casas forma destruídas, segundo informações das autoridades locais.

O sequestro é maior realizado no país desde que o Boko Haram expandiu sua zona de operação para além da fronteira da Nigéria no ano passado.

"De acordo com informações iniciais, cerca de 30 adultos, a maioria deles pastores, e 50 meninas e meninos entre 10 e 15 anos foram sequestrados", disse um militar à agência de notícias Reuters. Ele afirmou que o ataque tinha como alvo a aldeia de Mabass e várias outras vilas ao longo da fronteira com a Nigéria.

No domingo, um atentado suicida próximo a um posto de gasolina em Postiskum, na Nigéria, deixou pelo menos quatro pessoas mortas e 50 feridas. Nenhum grupo reivindicou ainda a autoria do ataque.

Segundo fontes policiais, citadas pelos meios de comunicação locais, o motorista do veículo abasteceu o carro no posto e, quando parecia que ia deixar o local, se chocou contra outros automóveis que recolhiam passageiros.

Reforço de Chade

Esse foi o terceiro atentado suicida realizado neste mês em Postiskum, maior centro comercial da Nigéria. Os ataques na cidade começaram após o Boko Haram ter intensificado a ação na região.

Os atentados ocorreram três dias após o presidente do Camarões, Paul Biya, anunciar que o Chade iria enviar um "importante contingente" para apoiar o exército do país na ofensiva contra os extremistas.

As tropas de Chade começaram a chegar em Camarões no domingo e estão sendo posicionadas no norte do país.

CN/rtr/apf/lusa

Leia mais