1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Boko Haram mata dezenas em metrópole da Nigéria

Grupo extremista ataca mercado de Maiduguri, cidade no nordeste do país que já foi alvo de uma série de ataques. Islamistas também divulgam vídeo em que afirmam ainda deter o controle sobre várias localidades.

O grupo extremista Boko Haram voltou a atacar a cidade de Maiduguri, no nordeste da Nigéria, nesta terça-feira (02/06). Um homem-bomba teve como alvo um movimentado mercado de carne da metrópole, deixando ao menos 20 mortos, segundo testemunhas citadas pela agência de notícias AP. Inicialmente, a agência Reuters havia falado em cerca de 50 mortos.

O Boko Haram já atacou Maiduguri, a maior cidade do nordeste do país, várias vezes. O objetivo dos extremistas é estabelecer um califado islâmico na região e, para tal, já matou milhares de pessoas e deixou cerca de 1,5 milhão de deslocados.

A investida desta terça-feira ocorreu na sequência de ataques a bomba que mataram ao menos 30 pessoas no último fim de semana e que parecem ter sido cometidos pelo Boko Haram.

Também nesta terça-feira, o grupo extremista divulgou na internet um vídeo que supostamente mostra militantes atirando na cabeça de soldados nigerianos e decapitando um civil. As imagens são as primeiras divulgadas desde que o Boko Haram jurou lealdade ao grupo "Estado Islâmico" (EI) e não mostram o líder Abubakar Shekau, que era marca registrada dos vídeos anteriores.

No novo vídeo, um soldado armado diz que o Boko Haram reúne milhares de combatentes e ainda detém o controle sobre várias cidades do nordeste nigeriano. O grupo extremista acusa a Nigéria e os vizinhos Níger, Chade e Camarões – que se uniram para combater os militantes islamistas – de mentir sobre os recentes sucessos contra o grupo.

LPF/ap/rtr

Leia mais