1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futebol

Blatter confirma que sabia de propina paga a Havelange

Em entrevista ao site da Fifa, Blatter diz que é o funcionário identificado como P1 nos documentos liberados pela Justiça suíça. Essa pessoa teria conhecimento dos pagamentos de propina a Havelange.

A situação fica cada vez mais complicada para o presidente da Fifa, Joseph Blatter. Os documentos liberados pela Justiça da Suíça nesta quarta-feira (11/07) mostram que o dirigente sabia que a empresa de marketing esportivo ISL havia pagado propina ao ex-presidente João Havelange quando este ainda estava no comando da entidade.

Em entrevista ao site da Fifa publicada nesta quinta, Blatter comentou o caso e reconheceu que ele é a pessoa identificada como P1 nos documentos. Neles está escrito que não apenas Havelange, mas também P1 sabia que um pagamento superior a 1 milhão de francos suíços, destinado a Havelange, foi equivocadamente depositado numa conta da Fifa.

Questionado se sabia, Blatter respondeu: "Saber o quê? Que comissões eram pagas? Naquela época, esse tipo de pagamento podia até mesmo ser deduzido de impostos, como despesa de negócios. Hoje em dia isso seria punido por lei. Você não pode julgar o passado com base nos padrões de hoje. Do contrário, vai acabar em justiça moral. Eu não podia saber sobre uma infração que não era uma infração."

Blatter também disse que não tem poderes para punir Havelange. "O Congresso da Fifa o nomeou presidente honorário. Só o Congresso pode decidir sobre o seu futuro."

AS/ap/ots/dpa
Autor: Carlos Albuquerque

Leia mais