1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futebol

Blatter cogita manter presidência da Fifa, diz jornal

Diário suíço afirma que controverso chefe da entidade pensa em reconsiderar renúncia, baseado no apoio de associações na Ásia e na África. Notícia provocou apelos por mudança rápida na liderança do órgão.

Segundo reportagem publicada neste domingo (14/06) pelo jornal suíço Schweiz am Sonntag, o controverso presidente da Fifa, Joseph Blatter, está considerando permanecer no cargo.

A publicação cita uma fonte anônima próxima a Blatter, segundo a qual o presidente estaria reconsiderando se manter à frente da Fifa, baseado no apoio que recebeu das associações da Ásia e da África, que querem impedir a renúncia anunciada pelo suíço de 79 anos. Blatter teria se sentido homenageado pelos votos de confiança e, por isso, não descarta continuar liderando a maior entidade do futebol mundial, apesar dos escândalos recentes.

"Mudança é indispensável"

O presidente do comitê de auditoria da Fifa, Domenico Scala, reagiu à notícia afirmando ser "indispensável" que haja uma mudança na liderança do organismo que tutela o futebol mundial. "Para mim, as reformas são o tema central", escreveu Scala, em comunicado. "É por isso que acho ser claramente indispensável prosseguir com o processo iniciado de mudança de presidente, como foi anunciado."

"A renúncia anunciada de Blatter tem que ocorrer formalmente o mais rapidamente possível", afirmou o diretor de mídia da Federação Alemã de Futebol (DFB), Ralf Köttker.

Já o técnico da seleção alemã, Joachim Löw, apelou para que Blatter mantenha seu plano original. "Acho que, normalmente, uma renúncia da renúncia não é algo que deva acontecer", opinou, acrescentando que a organização deve passar por um recomeço.

Segundo a agência de notícias AFP, a Fifa e a Confederação de Futebol Africano (CAF) mantiveram suas posições oficiais, ao serem contatadas, observando que Blatter anunciou sua renúncia em 2 de junho e que a CAF tomara conhecimento da decisão.

Apelo do Parlamento Europeu

Na quinta-feira, o Parlamento Europeu apelou para que Blatter se demita imediatamente e permita que um presidente interino inicie reformas na organização. Mas a Fifa reiterou que o suíço continuará no cargo até que seu sucessor seja designado, provavelmente até o final do ano.

Uma reunião extraordinária do comitê executivo da Fifa será realizada em Zurique em 20 de junho, quando será marcada uma data para o congresso que elegerá o sucessor de Blatter.

MD/afp/dpa

Leia mais