1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

BC teme 'assalto' aos caixas automáticos no dia 1º

Os alemães e os europeus terão que ter um pouco de paciência na virada do ano, para que tudo dê certo na maior operação de troca de moeda da história da humanidade.

default

O presidente do BC alemão, Ernst Welteke, com euros na mão.

A circulação do euro dentro de poucos dias deve exercer um leve efeito de retração do consumo, segundo a Consultoria Roland Berger. "O euro deve frear o consumo", disse Berger, acrescentando que irá demorar alguns meses até que os europeus desenvolvam a sensação de valor da nova moeda. A grande corrida para comprar os pequenos pacotes de moedas em dezembro, não teria maior significado. "Por maior que tenha sido a demanda, isso não quer dizer que as pessoas entrarão numa euforia consumista," observou.

Euro e concorrência - O ministro alemão das Finanças, Hans Eichel, pelo contrário, acha que o euro irá incentivar a livre concorrência. Muitas mercadorias são mais caras na Alemanha do que em outros países. "Isso irá mudar com o euro", disse o ministro ao Bild, o jornal de maior circulação no país. Os clientes sairão ganhando com a concorrência e será mais fácil comparar os preços além das fronteiras. Quanto aos aumentos de preços embutidos na mudança de moeda, Eichel aconselhou os consumidores a se defenderem, deixando de comprar nas lojas onde perceberem que isso aconteceu.

Sensatez - O presidente do Banco Central alemão, Ernst Welteke, por sua vez, dirigiu um apelo aos alemães, em entrevista à Deutsche Welle: "Peço que todos se comportem com sensatez e não 'assaltem' os caixas automáticos como se quisessem tirar a quantia que vão precisar para o ano inteiro". Se tudo funcionar bem, os caixas terão marcos e euros no dia 31 e fornecerão marcos até as 23h59.

A Federação dos Bancos Alemães, contudo, diz que isso não acontecerá em todos os caixas automáticos, pois alguns não comportam as duas moedas e em outros irá demorar um certo tempo a passagem de uma para outra, que é feita por computador. Mas esse processo deverá ser concluído na noite de ano novo.

Soltem as moedas - Para evitar filas nos caixas das lojas e supermercados, o comércio varejista recomendou que as pessoas comecem a pagar em euro com as moedas que já adquiriram, em vez de guardar os pacotinhos ( starter kits) de lembrança ou na expectativa de sua futura valorização para colecionadores. "Como o nome diz, os starter kits estão ai para se começar", disse o diretor da Associação do Comércio Varejista da Renânia do Norte-Vestfália, Heinz Trompeter. Os bancos calculam que, três dias após o início da venda das novas moedas, os alemães já estavam com mais de um bilhão de euros.